Você viveria sem internet por um ano?

139020081Atualmente, vivemos uma era digital em que todo mundo está conectado e que a internet faz parte da vida de todos, mas e se um dia você ficasse sem internet? Não por pouco tempo, mas sim por um ano inteiro? Bem, eu não conseguiria, mas parece que algumas pessoas conseguem tirar a internet de suas vidas.

Paul Miller é jornalista e editor do jornal The Verge. Como parte de seu trabalho, Paul tem de estar conectado praticamente o dia inteiro na internet, mas houve um dia em que ele se cansou e resolveu dar um tempo para o mundo digital, deixando de usar a world wide web para trabalhar durante nada mais do que um ano!

 PaulMiller3

Segundo Paul, ele se sentia com a alma corrompida, estressado e o seu dia não era muito produtivo. Foi aí que Propôs, então, ao The Verge, ficar um ano sem trabalhar com a internet. O jornal concordou e continuou pagando ao jornalista o seu salário atual e Paul começou o seu “regime digital”.

Segundo ele, os primeiros meses foram como nascer de novo em uma selva: tinham diversas coisas a serem redescobertas, como por exemplo o contato real e físico com as pessoas. Paul trocou seu smartphone por um telefone comum com funções apenas de chamada. PaulMiller2Agora, com mais tempo livre, passou a fazer caminhadas, passeios de bicicleta e teve mais tempo para ficar com seus filhos.

O problema é que alguns dos amigos de Paul moravam em outros países e sem usar a internet ele acabou ficando mais isolado. Até mesmo dos amigos que estavam mais perto dele reclamavam do afastamento. A gente pensa que a internet afasta as pessoas de seus contatos sociais, mas também existe outro lado.

Hoje em dia, até os amigos próximos, vizinhos e colegas marcam de se encontrar pela internet, conversam e se atualizam por ela. Logo, ficar sem internet, é como não ter um telefone ou um endereço certo para ser encontrado, você se isola.

Com muita dificuldade, Paul cumpriu sua missão e ficou exatamente um ano sem acessar a rede. Hoje, ele afirma que não tem jeito, é na internet que as pessoas estão e que ao invés de abandonar a tecnologia, é preciso encontrar um equilíbrio entre as coisas boas da internet e os prazeres que se deve ter na vida offline.

Saiba mais sobre a experiência de Paul no vídeo abaixo:




E você, conseguiria cumprir essa missão?

Me adicione no Facebook: Nandy Martins

E faça parte de nosso grupo: http://www.facebook.com/groups/188760724584263/

Reaja! Comente!
    Topo