Vendo a Terra de longe

Vivendo nesse planeta, parece que ele é um lugar enorme, tão grande que nós parecemos pequenos grãos de areia em uma praia. Porém a verdade é que a Terra é menos do que um grão de areia na praia chamada Universo e quando a vemos de outros lugares, podemos notar nossa insignificância:




Lua

A Lua é nossa vizinha cósmica, ficando logo ali, de onde podemos a ver com toda a clareza, mesmo a olho nu. E quando vemos nosso planeta de lá, já começamos a sentir nossa pequenez:

article-2380085-1B02B705000005DC-162_968x692




article-2380085-1B05A415000005DC-739_970x449




moonearth_580




Do outro lado

Em 1998, a espaçonave NEAR estava a mesma distância que a Lua normalmente fica da Terra, só que do lado oposto de nosso satélite natural. A imagem que ela capturou é incrível:

article-2380085-1B05B85B000005DC-770_968x651




Saturno

Saturno também não está muito longe daqui, ficando a mais ou menos 900 milhões de quilômetros, em uma medida que é “nada” nos tamanhos Universais. Mas é assim que vemos nosso grande planeta de lá:

article-2380085-1AF23496000005DC-686_968x544




Marte

O planeta vermelho é outro companheiro da Terra, que fica pertinho daqui. Mesmo assim é desse jeito que vemos nossa casa de lá:

marsearth (1)




De muito longe

Essa talvez seja a imagem mais marcante e que melhor mostra como somos “nada”. Ela foi tirada em 1990 pela sonda Voyager 1 a uma distância de 6 bilhões de quilômetros. E nosso grande planeta, nessa imagem, nada mais é que aquele pontinho brilhoso no meio da listra mais avermelhada:

earthlight

Siga Diego Martins no Google+: gplus/diegomartins

Ou adicione no Facebook: http://www.facebook.com/diegominilua

Faça parte de nosso grupo: http://www.facebook.com/groups/188760724584263/

Reaja! Comente!
    Topo