Início Curiosidades

Vagas exclusivas para mulheres na China, questionam sua capacidade de estacionar

Oh, olhe, uma controvérsia envolvendo gênero que não está centrada nas políticas de banheiros. Pelo menos este aborda uma questão importante: motoristas do sexo feminino.

Em particular, algumas empresas e agências governamentais estão questionando as mulheres chinesas e sua capacidade de estacionar. Isso resultou na disponibilização de vagas de estacionamento especiais apenas para mulheres.

Não há novidade em espaços reservados. Existem espaços para deficientes. Lugares de estacionamento de gestantes. Por décadas, na Alemanha, houve até vagas de estacionamento especiais somente para mulheres perto da frente das lojas. No entanto, esses foram criados para proteger contra agressão sexual.

Por outro lado, os espaços controversos na China, são projetados para proteger as mulheres dos perigos do estacionamento. De acordo com o funcionário do governo responsável pela área de serviço de Tonglu, ele decidiu introduzir as vagas de estacionamento depois que percebeu que as motoristas eram incapazes de estacionar em locais de tamanho regular ou dirigir em sentido inverso.

Para compensar a incapacidade de uma mulher estacionar, os novos pontos somente para mulheres são 50% maiores que um ponto normal. Eles também são destacados com linhas rosa e há um grande símbolo feminino rosa pintado no meio do local.

O funcionário do governo, enfatizou que o fornecimento de vagas mais amplas para as mulheres é uma “medida humana”, pois ele viu várias mulheres saindo de seus veículos e pedindo aos seguranças que estacionassem para elas. A área de serviço ao longo da Rodovia Hangxinjing, que liga a província de Zhejiang à província de Jiangxi, no sudeste da China, está simplesmente seguindo uma tendência nacional.

Os shoppings e áreas de descanso em Xangai, Chongqing, Dalian e Shijiazhuang têm locais exclusivos para mulheres há anos, mas não têm o dobro do tamanho das vagas de estacionamento regulares.

Os usuários chineses do Sina Weibo, como o Twitter, expressaram uma série de sentimentos. A maioria é negativa e descreve indignação nos pontos. Outros, no entanto, adotam a postura de que as mulheres não precisam estacionar em locais mais amplos.

Ambos os lados levantam pontos interessantes. No entanto, há uma questão maior que não está sendo discutida. Um estudo recente publicado no Iranian Journal of Public Health descobriu que, na China, os motoristas do sexo masculino têm três vezes mais chances do que as mulheres de se envolverem em um acidente de carro fatal.

Embora esse estudo não considere a população dominada por homens que nasceu sob a política do filho único, o maior problema ainda pode ser o sistema jurídico. Na China, as leis são tão complicadas que os motoristas, independentemente do sexo, são incentivados a matar pedestres.

Traduzido e adaptado por equipe Minilua
Fonte: Weird Asia News