Transtorno alimentar usado para vender dietas no Instagram

ANÚNCIO

As contas do Instagram estão usando imagens de uma pessoa se recuperando de um distúrbio alimentar para anunciar a perda de peso.

A BBC viu mais de 30 contas usando as fotos e algumas delas têm mais de um milhão de seguidores.

ANÚNCIO

A young woman standing on a balcony

As fotos foram tiradas por Kara Henry para documentar sua jornada de recuperação de um distúrbio alimentar quando ela pesava pouco mais de 25 quilos.

Suas imagens foram enviadas sem a permissão dela, juntamente com as alegações de que isso mostra uma perda de peso bem-sucedida.

ANÚNCIO

Os visitantes das contas que usam as imagens de Henry são instados a “clicar no link da biografia” para comprar um plano personalizado de emagrecimento ou dieta para ajudar a alcançar os resultados mostrados na imagem.

Henry disse à BBC que calcula que as imagens foram carregadas quase 100 vezes nos últimos três meses, mas não conseguiu removê-las.

Está completamente fora do meu controle”, disse ela. “É uma foto minha sendo usada completamente fora de contexto e de forma inadequada.”

“Ela está sendo publicado para parecer que estou com um peso saudável, anunciando um plano de dieta. É escandaloso, ridículo.

“Eu continuo denunciando e esperando o melhor. Muitas pessoas me dizem que também estão denunciando, e mesmo assim parece não haver ação do Instagram”.

Desde que a BBC entrou em contato com o Instagram para comentar as imagens, várias postagens ofensivas foram removidas, mas muitas permanecem acessíveis.

Em uma instância carregada em 6 de janeiro de 2020 que não foi removida, as imagens foram curtidas mais de 14.000 vezes.

Quais são os sinais do distúrbio alimentar?

A organização beneficente Beat afirma que os principais sinais a serem observados são:

ficar obsessivo com comida
mudanças de comportamento
tendo crenças distorcidas sobre o tamanho do corpo
frequentemente cansado ou lutando para se concentrar
desaparecendo no banheiro após as refeições
começando a se exercitar excessivamente

Se você foi afetado por distúrbios alimentares, ajuda e suporte estão disponíveis para que tenha uma vida saudável, tratamento com psicólogos são indicados.

O Instagram não possui uma função de “retweet” como o Twitter. Isso significa que as pessoas no Instagram costumam reenviar imagens de outro usuário e vincular à sua conta na descrição da imagem.

O efeito colateral disso é que, toda vez que a imagem é carregada no Instagram, Henry recebe uma notificação de que foi marcada em uma imagem.

Traduzido e adaptado por equipe Minilua
Fonte: BBC

ANÚNCIO