A temível Internet discada

FigSemAE_NT_D

1 - Horário de navegação: Em muitos lugares do Brasil, a Internet discada ainda se faz presente. Na cidade de São Paulo, por exemplo, são vários os assinantes do serviço que só podem acessar a web após às 00h00.

2 - Velocidade: Sem dúvida, um dos fatores que mais desagrada os usuários. Já imaginou baixar uma música em 30 minutos, ou ainda, um filme em 1 mês? Pois é, com o acesso discado isso ainda é possível.

3 - Conexão: Dependendo do horário, e com muita sorte, a velocidade máxima atingida poderá chegar a 50 Kb. Na pior das hipóteses, o valor cairá para 28,8 Kbps.

4 - Discadores: Diversos são os modelos oferecidos ao grande público. Dos mais tradicionais, passando pelos pagos. Só um detalhe: Independente do layout e funcionalidades, a velocidade será praticamente a mesma.

5 - Sinal: E se tudo isso já não bastasse, os usuários ainda são obrigados a torcer para que não chova. Aliás, dependendo do volume de chuva, o sinal poderá apresentar quedas constantes.

PS: E pensar que a Internet brasileira ainda é uma das mais lentas do mundo….

Reaja! Comente!
Topo