Super-heróis que poderiam existir na vida real #1

Super-heróis são famosos em todas as mídias, desde livros até filmes, mas será que eles poderiam existir no mundo real?




Capitão América

edit+america+before+after

Antes de ser um supersoldado, o Capitão América era uma pessoa normal. Mas com a ajuda de uma injeção especial, ele ficou maior, mais forte, mais rápido, transformando-se em uma máquina invencível na guerra. Mas será que algum humano poderia passar por isso no mundo em que vivemos?

O primeiro passo, que é tornar a pessoa mais alta, já é real. Existe uma forma de cirurgia plástica radical, chamada Limb-lengthening, que é capaz de dar dois centímetros a quem deseja. A ideia consiste em quebrar as duas pernas do paciente, fazendo com que os ossos voltem a se juntar, porém, durante o processo, a quebra criada é esticada milímetro a milímetro. Esse procedimento é extremamente doloroso e perigoso, mas funciona muito bem.

Depois de duas semanas com enormes dores devido ao aumento forçado dos ossos quebrados, o corpo consegue arrumar o estrago, preenchendo o espaço criado com um novo pedaço de osso e músculos. Após essa primeira parte, existe um tratamento intensivo que precisa ser feito na sequência. Apenas seis meses após a cirurgia, a pessoa está pronta para ter uma vida normal. Atualmente poucos médicos são capazes de fazer isso e cada cirurgia custa algo em torno de 200 mil reais.

Brian Kaspar, do Nationwide Children’s Hospital, é responsável por um estudo que pode completar a criação do Capitão América real. Suas pesquisas visam uma vacina capaz de gerar massa muscular, apenas com uma injeção. Usando manipulação de genes, ele pretende acabar com todas as barreiras que impedem ou dificultam o crescimento dos músculos, assim a pessoa vai ficar mais forte sem esforço. Claro que o estudo não visa criar supersoldados (ainda) e serve, na verdade, para ajudar pessoas com problemas musculares, que não conseguem se locomover normalmente.

Juntando esses dois novos métodos, o Capitão América poderia deixar de ser apenas um herói de história em quadrinhos e fazer parte da nossa realidade.




Homem de Ferro

Iron-Man

O Homem de Ferro sempre foi um dos heróis mais “fáceis” de copiar, afinal bastava que uma super-armadura fosse feita. Só que na maior parte do tempo nós não tínhamos a tecnologia necessária, mas agora estamos chegando perto disso. E agora, para completar, o exército americano resolveu investir em uma armadura que pode mudar os rumos da guerra no futuro.

Conhecido como Projeto TALOS (Tactical Assault Light Operator Suit), a ideia dos americanos é fazer uma armadura completa e totalmente blindada. A armadura terá monitor de sinais vitais, dará ao usuário informações em tempo real do campo de batalha, além de dar mais força e velocidade ao soldado.

ironmansuitap37681398157

O primeiro protótipo deve ser lançado em 2018, sendo utilizada por unidades americanas que participam de missões de alto risco. Para fazer tudo isso funcionar, os americanos contam com engenheiros de renome, estudantes de diversas universidades e até mesmo aqueles construtores de garagem, pois nesse tipo de criação, um rompante de criatividade pode ser mais útil do que anos de conhecimento.

Reaja! Comente!
Topo