Sobremesas e seus diferentes tipos #32

1 - Quindim: Ainda hoje, um dos doces mais populares. Em sua receita, três ingredientes principais: os ovos, açúcar e o coco ralado. Não menos importante, a canela, atribuindo, pois, um sabor diferenciado.

- Um detalhe: Poucos sabem, mas o quindim é originário da região nordeste. Por lá, a sua comercialização em padarias e supermercados.

- Já em Portugal, o produto pode ser adquirido nas chamadas pastelarias. Nestas, um dos condimentos mais famosos: o pastelzinho de Belém.

- Em seu preparo, a utilização de 10 ovos inteiros. Não obstante, a seleção de mais seis gemas.

- Já no forno, o alimento deverá permanecer por uma hora. Ao término do processo, desenforme a estrutura, e aguarde o seu resfriamento.

2 - Maria - Mole: Bastante difundida, ela se estabelece a base de açúcar e claras em neve. Entre seus diferenciarias, a gelatina incolor, e o seu sabor inigualável.

- O alimento, como se sabe, se assemelha a um marshmallow. Este, por sua vez, disseminado nas festas típicas, e nos eventos de final de ano.

- Em média, o preparo de 40 unidades do produto. Seu comércio, em pontos estratégicos nas grandes cidades.

3 - Pamonha: No Brasil, o quitute mais conhecido. Encontrado, sobretudo, nos chamados “ranchos” e nas pequenas fazendas.

- Além destes, o seu incremento em cidades especificas. Entre as quais: Goiás, Minas Gerais e São Paulo.

- Nesta última, a sua maior popularização, em especial, no município de Piracicaba.

- Em Santa Catarina, o preparo da maior pamonha do mundo. Ao todo, o equivalente a 408 Kg.

4 - Gelatina: Nos finais de semana, um dos artigos mais consumidos. Entre os sabores mais aceitos, o de morango, cereja e uva.

- Dentro da geladeira, a sua permanência por 15 a 20 minutos. Após o processo, a sua degustação em potinhos ou pirex.

- Além do modo tradicional, o alimento pode ser consumido com creme de leite. Tudo é claro, dependendo do gosto de cada um.

5 - Algodão doce: Delicioso, ele é formado a partir do açúcar cristalizado. Sua venda, em quiosques, praças e circos.

- Na sua fabricação, duas são as cores mais conhecidas: o branco e o rosa. Já nos casos mais excêntricos, a difusão do verde, amarelo ou azul.

- Sua origem, é ainda incerta. Acredita-se, no entanto, que sua primeira investida tenha ocorrido nos Estados Unidos. Mas especificamente, em 1897.

6 - Maçã do amor: Afixadas em palitos, elas são comercializadas em parques e estâncias turísticas.

- Em sua base, as maçãs, evidentemente, e os corantes vermelhos. Além destes, a glucose de milho.

- No mês de junho, a sua maior popularização. Com ela, uma das datas mais conhecidas: o dia dos namorados.

Receba mais em seu e-mail
Carregar mais
Topo