Minilua

Situações embaraçosas que quase todo mundo passa no início do namoro

Em todo o início de namoro, quase sempre é aquele clima mágico com tudo o que se tem direito – ou quase tudo –. Porém, a falta de intimidade é um dos maiores obstáculos a ser superado. Só quem já passou desse estágio em uma relação consegue confirmar isso e compreender as diversas situações de embaraçamento, surpresa, tensão e logicamente amadurecimento no relacionamento. Mas como tudo passa, elas geralmente são vencidas e tudo se acostuma, digamos assim.

Conhecer a família

Pois é! Muita gente decide adiar isso ao máximo, porque, logicamente, é bem melhor deixar como está, sem tensão, sem novidades e sem possíveis desgostos. No entanto, é quase impossível evitar. Você terá que conhecer a família de sua(eu) namorada(o).

E como é de se prever algumas coisas, quando já se tem uma certa experiência em ser o assunto da família, você, infeliz e possivelmente, terá que suportar coisas como: ser analisado pelo(a) sogro(a), ser chamado(a) pelo nome do(a) ex., ouvir aquele tio tentando ser o engraçadão, sem falar no membro da família que será o fofoqueiro, ou fofoqueira, que vai querer conhecer todo o seu passado, esse cargo pode ficar com qualquer um.

Apresentar aos amigos

Logicamente, é a parte que você mais teme, digamos assim. Amigos podem influenciar em decisões importantes na vida de uma pessoa, e não seria diferente em caso de namorados alheios que eles não gostem. Cada gesto, piada ou resposta será sondado. É uma pressão psicológica enorme, porque, dependendo do caso, a primeira impressão é a que fica.

Usar o banheiro

Pode parecer infantil, idiota e anormal, porém, existem pessoas que têm vergonha em admitir que foram ao banheiro para fazer o número dois aos seus namorados – já vi até ocorrer com amigos. E o pior é que não adianta disfarçar, o odor por mais que mascarado, ainda é reconhecido. Então, é mais fácil ver o ato como ele é realmente, natural.

Chamar pelo nome da(o) ex.

Acontece nos melhores namoros! – não – De preferência, logo após um término de namoro. Não é nada pensado, nada calculado. Ninguém faz de propósito, ou por mal, só, acontece. As pessoas devem saber lidar.

O Passado

Ok, essa é a hora de mostrar que você não é paranoico(a), doentinho(a) e coisas do gênero. Todos temos um passado, bom ou ruim. E algumas coisas vem à tona conforme você vai conhecendo alguém e vice-versa. Experiências anteriores, ex-namorados(as), e uma infinidade de outras circunstâncias, que, são do passado, então, que fiquem lá. Mesmo que provoquem um certo grau de ciúmes, é passageiro – dependendo da situação –, e usar algo que a pessoa fez pra ferir ela em uma discussão, é um artifício egoísta e desumano, não faça isso.

A melhor coisa que se tem a fazer, é Carry On!

Existem muitos tipos de namoros, então, muitos foram generalizados. Mas, deixe sua opinião nos comentários! E não se esqueça de curtir nossa página no Facebook e nos seguir no Twitter!