Sucesso no Empreendedorismo – veja essa lista de 7 regras de etiquetas nos negócios

Nos dias de hoje, mesmo com a ascensão do home office, as regras de etiquetas nos negócios se mantém como importantes para quem quer ter sucesso no empreendedorismo. Mas, você sabe o que é isso ou como seguir essas regras? A gente explica.

E vamos contar da forma mais simples: usando exemplos. Por isso, o texto listou 7 dicas essenciais para quem quer se comportar com um empreendedor de verdade. São versões que valem para toda relação profissional – e também devem ser usadas nas relações interpessoais.

As mudanças

Antes de qualquer coisa é importante notar que as mudanças transformaram o mundo corporativo, o qual conhecemos hoje. Porém, atualmente, não é mais um escândalo quebrar um protocolo quando se é um chefe de Estado.

Por exemplo, se lembra quando a corte inglesa festejou o casamento de um príncipe com uma pessoa sem títulos de nobreza?  Assim, a história do príncipe Harry e da atriz Megan nada mais é do que a prova viva de uma quebra de protocolos e costumes.

Entretanto, isso não quer dizer que todas as regras de etiquetas tenham ficado para trás. Ao contrário, ao quebrar uma delas você pode tumultuar um evento de negócios ou até mesmo causar rompimento nas relações com outras pessoas.

ANÚNCIO

Inclusive, achamos uma tradução para isso, na internet. E ela calha muito bem com esse conteúdo que estamos criando agora: “um protocolo quebrado é a transformação de um paradigma em nova forma de agir, convenientemente ajustada aos moldes da sociedade”.

Protocolo ou etiqueta

Dessa forma, um protocolo quebrado pode causar essa ideia de “quebra de paradigma”. Mas, uma regra de etiqueta quebrada pode significar outras coisas. Isso porque essas regras são focadas, especialmente, em atos de gentileza.

Ao passo que uma regra de etiqueta quebrada resulta em algo como “falta de bom senso” ou até mesmo “desrespeito”.

Entendido as mudanças que acontecem no mundo e a importância disso, além da diferença de um protocolo e uma etiqueta, agora é hora de a gente analisar as principais regras de etiqueta – que não devem ser quebradas para não causar desrespeito, ok?

7 regras de etiquetas nos negócios

No mundo corporativo das empresas de micro ou enorme porte, note que, cada vez mais, existe um investimento financeiro e pessoal em cursos focados para os líderes, os gestores e os executivos. O motivo? Reconhecer e demonstrar a importância da etiqueta.

Desse modo, a gente pode criar uma listar com algumas regras básicas a serem observadas e até mesmo seguidas por empresários, colaboradores e empreendedores, de uma forma geral. Se a quebra causa desrespeito, saiba que a concordância pode ser a garantia do sucesso!

1 – GENTILEZA

A gente começa falando da gentileza por ela, literalmente, cabe em qualquer lugar. Seja na hora de cumprimentar, de conversar, de agradecer, de sugerir. Então, se a gente sempre trata de maneira igual à equipe e os clientes e até mesmo empresas concorrentes, o sucesso vem.

2 – IDEIA

Agora, entenda que ser gentil não é ser pagado. Logo, você deve ter o seu brilho próprio. E como faz isso? Buscando e apresentando soluções de bom embasamento teórico e prático. Mas, claro que isso exige a coragem.

Nesse caso, a dica é uma só: mostre a relevância da sua ideia dentro de um determinado contexto e, mais do que isso, tenha gentiliza para não parecer arrogante.

3 – DIPLOMACIA

Você já ouviu dizer que toda empresa deve fazer reuniões periódicas, não é mesmo? A ideia é construir o conhecimento de um grupo. Mas, um conhecimento que vá além das questões profissionais. Então, sempre tente apresentar o seu ponto de vista de forma cooperativa.

Por outro lado, se você quer seguir as regras de etiquetas nos negócios evite polemizar ou chamar atenção demais. Afinal, a ideia não é essa.

4 – PACIÊNCIA

Dizem que a paciência é uma virtude de poucos. No entanto, mesmo que você não tenha nascido com ela, considere que dá para adquirir de várias formas. Você pode encontrar a sua resposta em uma xícara de chá, em exercícios de meditação ou uma noite bem dormida, por exemplo.

Dessa forma, não importa se você bateu o carro ou se a torrada caiu com a manteiga virada para o chão. A saída é uma só: respire fundo! Por outro lado, para seguir as regras, considere: não fazer birras, evitar as crises de choro excessivo, as reclamações e as explosões de raiva.

5 – ROUPAS

Talvez a gente nem precisaria falar disso, mas como nunca é demais lembrar, aqui estamos: as roupas impróprias ao perfil da empresa devem ser evitadas a todo custo.

Além do mais, um paletó amarrotado, uma camisa suja ou uma cara de ressaca sempre vão passar a impressão ruim independente do seu cargo, da sua empresa ou área.

6 – PONTUALIDADE

Tem uma frase muito simples, mas bem-dita que diz que “trabalho é trabalho”. Então, mesmo que seja um almoço de negócios fora da empresa, jamais se atrase. O fato de não deixar o outro esperando é uma das primeiras regras de etiquetas para considerar.

regras de etiquetas nos negócios

7 – BOM SENSO

O senso coroa todas as regras que citamos acima. Logo, o bom senso no comportamento evita situações constrangedoras. Mas, o que é o bom senso? É tudo aquilo que não é exagerado demais, nem para mais e nem para menos. É o ponto de equilíbrio.

Em suma…

E para terminar o artigo, saiba que se a gente pudesse resumir todas as regras de etiqueta nos negócios que foram trazidas aqui em uma única palavra, com certeza, a gente escolheria: gentileza. Afinal, é ela quem vai dar norte para o comportamento das pessoas nas empresas.

ANÚNCIO