Preconceitos em nossa sociedade #12

presidiário

55- Contra ex-presidiários: Sofrem de diferentes formas. No mercado de trabalho, por exemplo, são preteridos por outros candidatos, ou ainda, colocados em segundo plano.

56 - Contra os bailarinos: “Gays” e “frutinhas”. Apenas dois dos termos usados. Contra eles, o preconceito gratuito, sem ao menos, uma sustentação prática.

bailarino

57 - Contra os panfletários: Enquanto trabalham, são hostilizados pelo público e pela vigilância. Em alguns casos, ofensas poderão ser ditas, revelando, uma vez mais, a falta de respeito pelo próximo.

58 - Contra os boxeadores: Por conta de um esporte, acabam sendo criticados. Para a grande maioria, seus representantes não passam de seres agressivos, propagadores do ódio e da insensatez.

59 - Contra os usuários do Orkut: Mesmo em tom de brincadeira, são vistos como antiquados ou retrógrados. Dentro do contexto, a chamada “inclusão digital”.

Receba mais em seu e-mail
Topo