Minilua

Post-mortem Photography #2

Na Inglaterra do século XIX a Rainha Victoria pediu ao fotógrafo da Família Real que registrasse a imagem de parentes em momentos após a morte, para que pudesse guardar como lembrança. Em seguida, a prática tornou-se rotineira, virando uma tradição das famílias nobres guardar essas mórbidas recordações.

Se compararmos aos dias atuais, julgaremos a tal prática algo estranhamente macabro, no entanto, para quem viveu nessa época, fotografar pessoas em seu leito de morte fazia parte de uma tradição, considerada completamente normal e natural.
Alguns “truques” eram utilizados para que o cadáver ficasse o mais “vivo” possível ou transmitir a ideia de que só estivesse repousando.

Estas fotografias, quando observadas hoje em dia, podem causar espanto em qualquer um que olhe, pois mesmo sabendo que pertenceram a uma cultura inusitada, temos a vaga impressão de que algo muito assombroso nos observa.

<-- /home/minilua/public_html/wp-content/cache/static/https/minilua.com/post-mortem-photography-2/amp/index.html //-->