Início Curiosidades

Por que cachorros parecem com os donos?

Cachorros são conhecidos por serem os melhores amigos do homem durante a vida, sempre acompanhando seus donos, sejam nos momentos felizes, ou quando estão doentes. Os pets são sempre muito energéticos e uma companhia excelente para distrair adultos de seus problemas e tornar o ambiente doméstico mais alegre.

Além da fama de ser o melhor amigo do homem, os cachorros também carregam outra lenda em seu encalço: a de que são parecidos com seus donos. Virou consenso repetir isso em vários lugares do mundo, mas será que isso realmente acontece? Confira nosso artigo para descobrir se é verdade que os pets parecem seus donos.

Foto: (reprodução/internet)

No artigo abaixo, você poderá encontrar os seguintes tópicos sobre o assunto:

  • Familiaridades moldam os nossos gostos em diferentes áreas;
  • Cachorros funcionam como um reflexo de seus donos;
  • Experimentos científicos provam que os cachorros parecem com seus donos;
  • Olhos dos cachorros e de seus donos se assemelham bastante;
  • Descubra o porquê de alguns cães não apresentarem semelhanças com os donos;
  • Gatos não são tão semelhantes quanto os cachorros.

Familiaridade acaba moldando nossas escolhas

Muitas pessoas não percebem isso, mas temos grande tendência em escolher coisas que nos parecem mais familiares em um primeiro momento. É por isso que compramos produtos de marcas mais famosas, por exemplo, já que vemos elas em evidência em outros meios de comunicação.

Foto: (reprodução/internet)

E afinal, existe algo mais familiar ao nosso gosto do que nosso próprio rosto? Não. Por isso, muitas pessoas, no momento da compra de algo, acabam optando por produtos que já tenham certa afeição por eles, seja se identificando com a marca ou apenas por já ter sido exposta a ela.

E isso também pode acabar influenciando na escolha de um cachorro para ser adotado, por exemplo, já que alguns traços do animal podem acabar remetendo à própria pessoa. Porém, esses traços podem não ser apenas físicos, como muitos imaginam.

Efeito de exposição também explica algumas escolhas

Ainda falando sobre a questão da familiaridade, o que alguns psicólogos chamam de efeito exposição também influencia nessa escolha. Já achou alguém feio, e depois de algum tempo, essa pessoa começou a parecer mais bonita para você? Tudo isso ocorre por conta da exposição da imagem dela.

Quando estamos muito expostos a algo, acabamos nos familiarizando com a imagem, o que faz com que acabemos escolhendo ela em decorrência de outras disponíveis. Essa similaridade acaba nos fazendo procurar por pets que sejam e produtos que nos sejam semelhantes a nossa própria imagem.

Donos enxergam seus cachorros como reflexo de si

Apesar de muitos donos não terem ciência disso, seus cachorros acabam sendo uma espécie de reflexo deles. Isso pode dizer respeito tanto aos traços físicos dos seus cuidadores ou aos traços de personalidade, por mais que muitas pessoas achem a ideia estranha.

Foto: (reprodução/internet)

Por conta disso, é bem comum que pessoas mais calmas tenham cachorros com o mesmo comportamento, e para os donos que ficam mais em casa, que mesmo assim, mantém uma rotina bem movimentada, é provável que seus cachorros também sejam energéticos.

Essa semelhança entre ambos acaba tornando o ambiente mais agradável. Isso porque, por acabarmos enxergando o cachorro como um semelhante, mesmo que inconscientemente, nos sentimos mais confortáveis próximos a eles. Um rosto familiar sempre é mais agradável de ser visto.

Você gosta do seu rosto mais do que imagina

Ao nos vermos no espelho, ou em qualquer outro lugar, como em fotografias ou reflexos comuns, as nossas atribuições físicas acabam ficando gravadas em nosso subconsciente, fazendo com que, aos poucos, nossa imagem vá se tornando mais agradável ao nosso próprio olhar.

Isso acaba fazendo com que acabemos nos ‘apaixonando’ pelo nosso rosto, mesmo que não percebamos que estamos fazendo isso. Isso acaba explicando porque os donos acham seus cachorros bonitos, já que eles, de alguma maneira, são um reflexo do dono.

Mas isso é verdade ou apenas especulação?

Apesar de muita gente achar improvável que seja verdade, um estudo científico já mostrou que as pessoas realmente se parecem com seus cachorros. Na década de 90, um grupo de pesquisadores resolveu fazer um experimento para provar que isso de fato acontecia.

Foto: (reprodução/internet)

Escolheram um grupo de pessoas para adivinharem quem seriam os donos de 25 cachorros que estavam lá, através de fotos. Com as escolhas em mãos, e unindo as semelhanças físicas de cada um deles, os participantes da pesquisa conseguiram acertar nada menos do que 16 pares de donos e cachorros.

O fenômeno não é de apenas uma região do mundo, e já se mostrou ocorrer com frequência em todo o globo. Caso comece a reparar, é possível checar que, quando se passam cenas de outros países na TV, e envolvem cachorros, muitas vezes eles se assemelham muito aos donos.

Escolher um cachorro para ser sua companhia pode demorar

Por conta de todas essas semelhanças que podem ser notadas entre donos e cachorros, o processo de escolha de que cão adotar pode demorar um pouco mais do que esperado. Não basta apenas pegar qualquer cachorro, é necessário enxergar alguma similaridade entre você e ele.

Por isso, caso esteja procurando por um cachorro para adotar, tenha paciência, pois o processo nem sempre é rápido. Visite alguns lares adotivos, procure por amigos que estejam procurando um lar para os pets, e lembre-se que nem sempre achamos o que queremos sem um pouco de esforço.

Os olhos dos animais e dos donos geralmente se parecem

Sadahiko Nakajima, psicóloga da Universidade de Kwansei Gakuin, mostrou que outro traço que corrobora com essa teoria é de que os olhos dos cachorros geralmente se parecem muito com os de seus donos. Como dizem, eles são a janela da alma.

Foto: (reprodução/internet)

Para provar seu ponto, ela fez um experimento onde mostrava o rosto dos animais e dos cachorros com a boca e o nariz tapados. Analisando apenas os olhos, as pessoas que participaram do teste, conseguiram acertar com exatidão quem era o dono de cada um dos cachorros.

Porém, quando os olhos dos cachorros e dos donos foram tapados, os participantes não conseguiram fazer isso, mostrando que a grande semelhança entre ambos se encontrava nos olhos. Mais prova do que isso, de que os cachorros são parecidos com os donos, não são necessárias.

Isso também explica o porquê de cachorros serem os melhores amigos do homem

Criou-se a lenda de que os cachorros são os melhores amigos do homem, e essa grande quantidade de semelhanças, que fazem os caẽs e seus donos parecerem, também explica o porquê dessa ideia ter se difundido com tanta facilidade em todo o mundo.

Foto: (reprodução/internet)

Tendo uma personalidade parecida com a sua, além de uma aparência que remete a sua, mesmo que não de forma muito clara, é bem fácil criar laços de amizade mais fortes com animais do tipo, não concorda? É daí que vem a grande relação entre humanos e cachorros.

Além disso, os cachorros conseguem demonstrar carinho aos seus donos com muita facilidade, e muitas das vezes, da mesma maneira que o próprio dono também faz com ele. Impossível ter um match de amizade melhor do que esse.

Ciência também explica a forte ligação entre cachorros e homens

Alguns cientistas afirmam que a disposição que os cachorros têm em se tornarem amigos dos homens vêm do seu gene. De acordo com eles, os nossos pets contam com condições genéticas que aumentam a necessidade deles de interagirem.

Quando comparados com lobos, por exemplo, a diferença entre eles é muito grande, o que faz com que os cachorros se aproximem muito mais dos seres humanos do que outras espécies de animais. Nossas espécies praticamente nasceram para se fazerem companhia.

E quando o cachorro não apresenta semelhanças com o dono?

Apesar das semelhanças serem o motivo principal da grande amizade entre cachorro e dono, existem casos em que eles não se assemelham em quase nada. Nessas ocasiões, muitas vezes, o cão acaba convivendo muito mais com outras pessoas do que com o dono em si.

Foto: (reprodução/internet)

Cachorros que passam muito tempo com crianças, por exemplo, apesar dos “donos” serem os pais, eles apresentam mais semelhanças com os pequenos do que com os responsáveis em si. Por isso, também é comum encontrarmos cães que não são parecidos com os adultos da casa.

Mas isso pode mudar. Quanto mais tempo um cachorro passar na companhia de outra pessoa, mais ele acabará se assemelhando a ela em questões comportamentais. Se você quer ter mais do que se orgulhar de falar que seu cão lembra a você, gaste um pouco mais de tempo com ele durante o dia.

Gatos funcionam de maneira diferente dos cachorros

Os gatos apresentam comportamento diferente dos cachorros nessa questão. Por se tratarem de animais mais independentes, que não precisam tanto de afeto quanto os cães, acabam desenvolvendo uma personalidade mais “separada” de seus donos do que os cachorros. Mas isso não quer dizer que não gostem de você.

Essa é apenas a maneira do gato de ser, e eles são sim muito carinhosos com seus donos, só expressam isso de forma diferente do que os cachorros. Entender que cada espécie de comporta de maneira única é essencial para conseguir aproveitar o que há de melhor nesses dois grandes companheiros da raça humana.