Policial forçado a atirar em seu próprio cão policial na cena do crime

Um policial foi forçado a atirar em seu próprio cachorro depois que este se voltou contra ele enquanto estava de serviço.

Keith Larson, um oficial veterano de Massachusetts, teve que matar seu pastor alemão, Nico, depois que ele o atacou na cena do crime.

Ele estava respondendo a uma ligação na terça-feira, onde um suspeito havia fugido do local.

Larson tentou afastar Nico, mas não conseguiu

Nico mordeu Larson enquanto ele preparava o animal para a chamada – marcando a segunda vez neste ano que o policial foi atacado por seu cachorro.

O policial tentou tirar o K-9 de perto dele antes de usar sua arma de serviço para atirar em Nico, disse a polícia.

Larson, que teve ferimentos nas mãos, foi levado a um hospital para tratamento. Botieri disse que deve ser solto na terça-feira, informou a WFXT.

“Aconteceu em menos de 30-45 segundos, que é muito tempo que ele teve que passar por isso”, disse Botieri a repórteres em entrevista coletiva. 

“Tenho certeza de que você percebe que é difícil para um oficial K-9 despachar seu próprio cachorro assim.”

Policial forçado a atirar em seu próprio cão policial na cena do crime
Foto: (reprodução/internet)

Larson é tido como um policial exemplar

O chefe de polícia Michael Botieri disse em um comunicado que o oficial Larson estava preparando seu cão-guia quando o incidente aconteceu. Foi compartilhado no Twitter, com o Departamento de Polícia de Plymouth escrevendo aos seguidores: “Por favor, mantenha o policial K-9 Keith Larson e Nico em seus pensamentos.”

A declaração dizia: “Após várias tentativas de libertar Nico, o oficial Larson foi forçado a utilizar sua arma de serviço. Infelizmente, Nico morreu no local.”

“Vários oficiais, bem como o pessoal da Ambulância Brewster, foram despachados para ajudar o policial Larson. O policial Larson foi transportado para o Hospital South Shore para tratamento de ferimentos nas mãos.”

“O oficial Larson é um veterano de 17 anos do Departamento de Polícia de Plymouth com um histórico exemplar. Ele foi designado para a Unidade K9 desde março de 2017.”

Leia também: Dois cachorros são deixados em caixa para morrer de fome com sacos cheios de comida no chão próximo

Policial apresenta alguns ferimentos

O chefe disse que o oficial Larson está sendo tratado por ferimentos nas mãos, acrescentando que a força espera que ele se recupere rapidamente.

O chefe Botieri disse: “É sempre difícil ver qualquer um de seus oficiais feridos. Nos sentimos mal por isso.”

Uma testemunha no local disse à agência de notícias local WXTF que ouviu três tiros antes de ver o policial lutando no chão.

A testemunha Lori Medeiros disse: “Não ouvi gritos. Acabei de ver o policial caído no chão e sei que ele estava obviamente em perigo”.

Traduzido e adaptado por equipe Minilua

Fontes: LadBible e NY post