Pai não pôde ir a formatura de filha porque foi deportado, mas ela deu um jeito de estar com ele!

Seu pai não foi autorizado a pisar em solo americano, mas esta menina o deu um jeito de encontrá-lo para agradecer por todo o seu apoio no dia de sua formatura.

Sarai Ruiz e seus pais viviam em Wisconsin, Estados Unidos, mas quando ela tinha quatro anos, seu pai foi deportado de volta para o México. Ela ficou sozinha com a mãe até os sete anos e depois mudou-se para Nuevo Laredo para que a família se reunisse novamente.

Pai não pôde ir a formatura de filha porque foi deportado, mas ela deu um jeito de estar com ele!

 

Embora morando no México, Sarai frequentou uma escola nos Estados Unidos. Em outras palavras, todos os dias ela atravessava uma ponte na fronteira, chamada Puente Las Américas, para continuar seus estudos e voltar para casa todos os dias.

O dia de sua formatura chegou e infelizmente seu pai não poderia estar com ela naquele evento. Para Sarai, era muito difícil estar na cerimônia e perceber que todos os seus colegas estavam acompanhados por suas famílias. No meio de tanta felicidade ela sentia falta do pai.

Clique em “Próximo” para ler o restante do conteúdo da postagem.