Os últimos cinco minutos do filme Contágio dão um alerta crucial sobre as pandemias

ANÚNCIO
ANÚNCIO

Um dos consultores científicos do filme de desastre Contagion pediu às pessoas que prestem muita atenção nos últimos cinco minutos do filme, explicando que elas oferecem uma lição crucial sobre o tipo de ações que levam a pandemias como o atual surto de coronavírus.

Os últimos cinco minutos do filme Contágio dão um alerta crucial sobre as pandemias

Tracey McNamara – uma patologista veterinária que ajudou nos estágios iniciais da produção do filme – disse que a cena final alerta sobre o impacto do homem no meio ambiente e como nossas ações podem fazer com que vírus saltem espécies.

Em entrevista à Metro, ela disse: “Desejo que as pessoas assistam a este filme que assistam os últimos cinco minutos com cuidado. Todo esse cenário, isso absolutamente acontece”.

Para aqueles que não viram o filme, o final mostra árvores que abrigam morcegos sendo derrubados.

Os morcegos comem o fruto das árvores, mas, sem ter para onde ir, aninham-se nas vigas dos currais. Seus excrementos doentes caem no chão, onde são comidos pelos porcos.

O porco infectado é então enviado para um restaurante onde é preparado por um chef que, tendo tratado do porco agora infectado, cumprimenta Beth, a personagem de Gwyneth Paltrow, sem antes ter lavado as mãos.

Os últimos cinco minutos do filme Contágio dão um alerta crucial sobre as pandemias

Ela é a primeira pessoa a pegar o vírus, que depois se espalha pelo mundo.

O filme tem semelhanças impressionantes com a maneira como alguns cientistas acreditam que o surto de coronavírus começou.

Um estudo publicado no The Lancet em janeiro analisou as sequências genômicas do coronavírus e concluiu que o vírus provavelmente se originou em morcegos – com outro animal no meio da cadeia, passando a doença de morcego para humano.

O Dr. McNamara disse ao Metro que é vital que aprendamos com a pandemia de coronavírus e a utilizemos para mudar a maneira como vemos nosso relacionamento com os animais.

Ela disse: “Estamos todos tão focados no imediatismo da crise. Quando tudo se acalma, o que realmente precisa acontecer é uma discussão muito séria sobre como lidaremos no futuro com ameaças de pandemia emergentes que acontece em grande parte por atividades artificiais.

Os últimos cinco minutos do filme Contágio dão um alerta crucial sobre as pandemias

“Deixe os morcegos em paz, deixe-os ficar nas árvores. Muito disso está relacionado à atividade humana, derrubando habitats, sem amortecedores entre os seres humanos que entram em contato com a vida selvagem.

“Precisamos fazer tudo o que pudermos para tomar medidas sérias para tentar evitar futuros surtos como esse. Se deixássemos as coisas assim, talvez essas coisas não acontecessem”.

Traduzido e adaptado por equipe Minilua
Fonte: Ladbible