Minilua

A origem do mundo segundo as mitologias: Grega #3

Uma pergunta que ninguém sabe a resposta é: como surgiu o mundo? Mas isso não significa que não houve tentativas para explicar como aconteceu, foram diversas as teorias, e com esta série, vamos falar de várias delas e levantar a seguinte questão: será que alguma delas realmente aconteceu?

Como vimos no último post da série, Gaia acaba gerando Tifon e colocando-o contra Zeus, mas por que ela fez isso? Não se sabe ao certo o porquê, mas temos várias hipóteses, e a mais plausível delas é a seguinte: Gaia queria que o equilíbrio do mundo fosse impecável, perfeito, e, para isso, as forças do caos teriam de ser incluídas. Ao mesmo tempo em que a desordem e o caos poderiam ser inseridos no mundo, essas mesmas forças poderiam consumir todo o universo – isso se Zeus perdesse a última guerra.

Tífon era o ser mais temido de todos. Além de ter asas, em cada um de seus ombros existem cem serpentes, sendo que cada uma delas cospe fogo pelos olhos, e, como se já não fosse o bastante, ela ainda pode emitir qualquer tipo de som, imitando qualquer linguagem – até mesmo a dos animais – e é por ter tudo isso reunido em apenas um ser, que Tífon se identifica com o caos.

Ele, então, marcha sobre os olimpianos que, ao vê-lo, ficam espantados com Tífon e fogem de seu inimigo, entretanto Zeus enfrenta-o, mas acaba perdendo seus nervos e tendões, o que lhe deixa incapaz de se mover. Não se sabe ao certo como, mas, no decorrer na guerra, Tífon é roubado e Zeus recupera os seus tendões. Após o roubo, o ser monstruoso é enganado e acaba ficando mais fraco, permitindo a Zeus vence-lo.

Durante a guerra, o cosmos inteiro serviu como campo de batalha, e isso fez com que vários astros saíssem de seu lugar, sem falar que acabou desestruturando a própria Terra. Após Zeus vencer a guerra, portanto, ele reconstrói tudo o que foi destruído e ainda inclui o caos nessa nova harmonia, que agora se torna perfeita. Tífon, enfraquecido e derrotado, Tem poderes que só conseguem afetar o mundo dos mortais através das tempestades, em terra, e dos tufões, em mar.

Agora sim podemos dizer que o universo está completo, sem que haja mais nenhuma guerra que possa mudar drasticamente o futuro de todo o universo e o reinado soberano de Zeus sobre todo o cosmos.

Sem dúvida, a mitologia grega é uma das mais intrigantes, mas ainda há outras que também tentam explicar como o mundo surgiu com a mesma maestria, e é por isso que no próximo post falaremos sobre a origem do universo segundo a mitologia egípcia, sobre como o espírito supremo Áton criou o universo a partir do nada. Não perca!

 

Me adicione no Facebook: Nandy Martins

E faça parte de nosso grupo: http://www.facebook.com/groups/188760724584263/