16 Objetos que usamos antes que as crianças de hoje não entenderiam

Se você olhar para trás, muitos objetos e coisas cotidianas se tornaram algo para se lembrar. A tecnologia avançou aos trancos e barrancos e, num futuro não muito distante, será difícil explicar aos pequenos para que servem.

1- Rolo de fotografia

16 Objetos que usamos antes que as crianças de hoje não entenderiam

Tirar fotos foi, até recentemente, uma dor de cabeça. Cada rolo permitia um número limitado de imagens. Para saber se as fotos foram bem tiradas ou não, era preciso esperar uma eternidade para revelá-las. Com o tempo, estes negativos poderiam se deteriorar ou se perder. Os jovens de hoje não sabem o que é isso, mas na época era importante salvá-los para fazer cópias.

2- A máquina de escrever

16 Objetos que usamos antes que as crianças de hoje não entenderiam

Você tinha que pensar muito antes de pressionar uma tecla porque, uma vez que a tinta tivesse impresso a carta no papel, não havia como voltar atrás sem deixar vestígios. Numa época em que a despesa de tempo e papel era grande, embora houvesse ajuda, como um líquido branco que envernizasse o erro e permitisse reescrevê-lo. As máquinas eram bem barulhentas.

3- O telefone de disco

16 Objetos que usamos antes que as crianças de hoje não entenderiam

Até a década de oitenta, as chamadas eram feitas por meio de um telefone que possuía um disco no meio com dez furos, cada um com um número de 0 a 9. Para fazer a chamada, tinha que girar cada número de telefone para o qual você queria ligar. Qualquer tentativa de tornar o dial mais rápido era inútil. Não houve opção de rediscagem, então o número tinha que ser repetido.

4- A fita cassete.

16 Objetos que usamos antes que as crianças de hoje não entenderiam

Elas eram vendidas virgens ou pré-gravadas, assim como um disco de acetato ou um CD. Quem, com mais de 30 anos, não se lembra de ter gravado uma seleção de músicas para aquela pessoa especial? O problema era que elas só tinham espaço para 60 minutos de conteúdo, ou seja, 15 músicas, e você tinha que virar a fita a cada 30 minutos. Seu declínio começou com o aparecimento do CD e depois dos tocadores de MP3.

Clique em “Próximo” para ler o restante do conteúdo da postagem.