O doce gesto do homem para com a esposa no aniversário – quando o Covid-19 os separa

ANÚNCIO

ANÚNCIO

Um homem não pôde visitar sua esposa em uma casa de repouso no 67º aniversário de casamento, mas isso não o impediu de marcar a ocasião especial.

O doce gesto do homem para com a esposa no aniversário - quando o Covid-19 os separa

Se você precisar de algo emocionante para animá-lo neste momento, isso pode ser suficiente.

Um marido que nunca se separou de sua esposa no aniversário de casamento tomou a decisão por conta própria quando foi separado pela pandemia de coronavírus.

Nancy Shellard mora em um lar de idosos em Vernon, Connecticut e, devido às orientações sobre o coronavírus nos EUA, nenhum membro do público está autorizado a visitar.

No fim de semana passado, ela comemoraria 67 anos de casamento com seu marido, Bob, mas seus planos foram suspensos, pois a entrada dele não era permitida.

No entanto, ele não deixou que isso o impedisse de declarar seu amor e marcar o dia especial.

Bob fez o melhor que pôde e apareceu do lado de fora da janela de Nancy com uma placa  e balões gigantes.

A placa dizia: “Eu te amei há 67 anos e ainda a amo. Feliz aniversário”.

Em um vídeo compartilhado pelo TheHill.com, Nancy pode ser vista acenando para ele e soprando beijos em resposta ao seu doce gesto.

Falando no clipe, Bob diz: “Isso me faz sentir mal, porque eu a quero comigo e sei que ela não pode estar”.

Ele acrescentou: “Eu não gostaria de mais ninguém. Acho que ela não poderia suportar mais ninguém além de mim”.

O momento emocionante de Bob e Nancy se tornou viral nas mídias sociais, com muitos elogiando suas ações.

Uma pessoa disse: “Acho que todos precisamos de um Bob Shellard em nossa vida”.

Outra pessoa twittou: “Bob Shellard, você é demais”.

Um terceiro respondeu: “Não aceitarei nada menos que um Bob Shellard”.

Um usuário diferente acrescentou: “É tão impressionante e gentil da parte de Bob Shellard entender as circunstâncias em questão que ele enviava uma mensagem doce à sua voz da melhor maneira possível.”

“As pessoas devem ter mais compreensão e consideração dos lares e hospitais que adotam essas medidas de precaução”.

No Reino Unido, o conselho atual do PM Boris Johnson é evitar ir a locais públicos – incluindo bares e restaurantes.

O National Theatre, o London Palladium e a Royal Opera House confirmaram que estão fechados até novo aviso.

O NHS também está incentivando qualquer pessoa com sintomas de coronavírus a se auto-isolar em casa por pelo menos sete dias.

Se aqueles com sintomas convivem com outras pessoas, eles também devem ficar em casa por pelo menos 14 dias, para evitar espalhar a infecção em outro lugar.

Após duas semanas, qualquer pessoa que viva com alguém com sintomas que não os desenvolveu pode voltar à sua rotina normal.

Mas qualquer pessoa na casa que tenha sintomas deve se isolar a partir desse ponto por sete dias, o que significa que pode ter mais de 14 dias.

Traduzido e adaptado por equipe Minilua
Fonte: Mirror