O coronavírus existirá para sempre e é improvável que seja erradicado, alerta especialista

ANÚNCIO

O coronavírus existirá “para sempre”, pois é improvável que seja erradicado, advertiu um cientista britânico do comitê consultivo do governo para a pandemia.

John Edmunds, membro do Grupo de Aconselhamento Científico para Emergências (SAGE), acrescentou que uma vacina ajudaria a melhorar a situação.

ANÚNCIO

A Grã-Bretanha, como outros países da Europa, está atualmente enfrentando um ressurgimento das infecções por COVID-19, com grande parte do país sob restrições locais e mais de 21.000 casos diários relatados na terça-feira.

População terá que se adaptar ao coronavírus

“Teremos que viver com esse vírus para sempre. Há muito poucas chances de que ele seja erradicado”, disse Edmunds aos legisladores.

Embora o coronavírus permaneça por aí indefinidamente, Edmunds disse que a perspectiva de uma vacina no final do inverno deve impactar a estratégia do governo agora.

ANÚNCIO
O coronavírus existirá para sempre e é improvável que seja erradicado, alerta especialista
Foto: (reprodução/internet)

“Se as vacinas estão chegando, então, na minha opinião, devemos tentar manter a incidência o mais baixa possível agora, porque poderemos usar vacinas em um futuro não muito distante”, disse ele.

Ele disse que o Reino Unido fez um “jogo inteligente” ao investir em diferentes vacinas contra o coronavírus. A Grã-Bretanha assinou acordos de fornecimento para seis vacinas COVID-19 diferentes, com 340 milhões de doses garantidas em diferentes tipos de tecnologias.

“Acho que estaremos em uma posição razoável em meses”, disse ele.

Leia também: Qualquer política de coronavírus sem um sistema eficaz de teste e rastreamento terminará em bloqueio

Vacina pode sair em breve

Não acho que vamos vacinar todo mundo, mas para começar, talvez as pessoas de maior risco, profissionais de saúde e assim por diante.”

O alerta de Edmunds ocorre no momento em que as mortes por coronavírus no Reino Unido atingiram o maior número desde Junho.

O número de mortes por coronavírus no Reino Unido aumentou em 80, com 18.804 novos casos identificados.

Ele traz o número oficial de mortos para 43.726 desde o início da pandemia, e os dados mais recentes mostram que mais de 5.600 pessoas estão hospitalizadas com o vírus.

O número desolador foi anunciado pelo Departamento de Saúde, enquanto o governo está sob crescente pressão para reduzir a pressão sobre o NHS.

É o maior aumento diário de vítimas mortais em uma segunda-feira desde 1º de Junho, quando 115 mortes foram confirmadas.

Traduzido e adaptado por equipe Minilua

Fonte: Mirror

ANÚNCIO