Início Saude

Veja esses 4 motivos para usar escudos faciais contra a Covid-19

Você já ouviu falar sobre o uso dos escudos faciais ou protetores faciais para combater o coronavirus? Será que isso realmente funciona? O que os órgãos recomendam? Continue lendo e veja os benefícios desse item de segurança contra o vírus.

Mas, não deixa de ler até o final porque vamos dar algumas dicas valiosas, além do uso desse protetor. Afinal de contas, a melhor indicação é aquela que foca na proteção total do vírus, tão letal no mundo todo.

Abaixo, temos os motivos positivos do uso do protetor facial. Logo, ele pode ser um item a mais a ser usado no seu dia a dia. Assim como é a máscara de tecido e também o álcool em gel, considerando todas as recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde).

1 – Eles protegem olhos, nariz e boca

A primeira coisa a se pensar é que enquanto uma máscara de tecido protege apenas a boca e o nariz, esses escudos protegem os olhos também. (No último tópico vamos dizer se é possível usar somente o escudo de proteção ao invés das máscaras, leia).

Sendo assim, o usuário passa a ter uma cobertura adicional aos olhos, que é uma porta de entrada para o vírus, também. Agora, saiba que a colocação correta dele envolve todo o rosto, desde embaixo do queixo até mesmo a testa.

2 – Eles permitem as expressões faciais

Uma próxima vantagem dos escudos faciais contra a Covid-19 é que eles permitem que você veja e se visto com base nas expressões faciais, especialmente ao falar e sorrir. Assim, considere que com a máscara de tecido a gente perde parcialmente essa comunicação.

Para pessoas sem audição ou com falhas nesse sentido, isso faz uma boa diferença.

3 – Eles são fáceis de limpar

Por serem revestidos com materiais simples de serem limpos, os escudos faciais se tornam ainda mais acessíveis para muita gente. As partes podem ser recolocadas, após a lavagem e secagem que devem ser feitas após cada uso.

Inclusive, não há um limite de uso para elas, desde que você faça essa higienização completa após usar. Água e sabão resolve a limpeza sem que se tenha muito gasto. Outros desinfetantes domésticos também podem ser usados.

4 – Elas são mais confortáveis

Um próximo ponto é considerar que elas são mais confortáveis porque o encaixe se dá apenas na testa, na maioria das vezes. Além do mais, ela se adapta aos variados tipos e tamanhos de rostos. Enquanto as máscaras são menos flexíveis.

Além do mais, esses protetores de face são melhores para quem usa óculos e costuma sofrer com a respiração, que embaça a lente.

Curiosidade sobre os escudos!

Antes de chegarmos até o último tópico deste conteúdo, que é bastante importante, saiba que trouxemos aqui uma curiosidade bem legal. Você sabia que após a pandemia se iniciar, muitas empresas têm criado produtos e formas diferentes de conseguir viabilizar as vendas, né?

Sobre os escudos, a gente achou vários modelos diferenciados na internet. Por exemplo, você pode achar um escudo de boné de beisebol com proteção facial removível na Amazon por 20 dólares. E tem, também, uma viseira da neoprene com escudo facial, na Etsy, por 36 dólares.

Dá para trocar o escudo pela máscara?

Agora que você viu as vantagens do escudo facial pode ser que esteja pensando seriamente em fazer a troca: do escudo pelas máscaras de tecido, correto? No entanto, é preciso cuidado porque isso não é recomendado.

E o motivo é bem simples: os protetores são abertos nas laterais e na parte inferior do rosto, sendo que isso permite a entrada ou a saída de partículas. Por isso, nenhuma autoridade pública recomenda a troca.

Aprenda a fazer o cadastro do auxílio emergencial nos Correios

Na prática, o protetor facial faz um ótimo trabalho no bloqueio de partículas maiores. Porém, as máscaras de tecido são mais eficazes para as partículas menores. Então, se há uma boa recomendação é que você use ambos ao sair de casa.

Além do mais, lembre-se que além de todo equipamento de proteção, as outras medidas continuam sendo válidas, desde o distanciamento físico até mesmo a lavagem frequente das mãos, com água e sabão ou, pelo menos, o álcool em gel.

No Brasil, o uso do escudo facial não substitui a máscara

E para complementar a parte de cima, vamos trazer aqui algumas informações bem focadas no Brasil. Muitos especialistas e até mesmo autoridades têm falado que o “escudo facial não substitui a máscara de proteção contra a Covid-19”.

Sendo assim, fica claro que não se deve trocar o escudo pelas máscaras. Por outro lado, usar ambas não tem contra indicação. Reafirmando, novamente, que as outras medidas (álcool em gel e distanciamento social) continuam valendo.