Início Curiosidades

Mixtape encontrada na praia 25 anos depois de ter sido perdida – e ainda funciona

Às vezes a vida real é mais estranha que a ficção e esse é definitivamente um desses momentos.

Esta é uma história de uma chance em um milhão, uma mulher que perdeu sua mixtape durante as férias de 25 anos atrás a encontrou em uma exposição de arte.

A história só fica mais estranha a partir daí – não só a fita estava localizada a 200 km de onde ela a perdeu, mas ainda funcionava!

Stella Wedell ficou chocada ao assistir a um show de fotografia em Estocolmo no ano passado, apenas para encontrar sua mixtape perdida – e a lista das 20 músicas que ela montou com amor – em exibição.

A Sky News relata que a fita – que apresenta uma mistura eclética de músicas dos Pet Shop Boys, Bob Marley, Shaggy e mais – foi ouvida por Stella em seu Walkman, enquanto estava na Costa Brava e em Maiorca em 1993.

Surpreendentemente, em 2017, sua fita voltou ao continente depois de uma aventura no mar, desembarcando em Fuerteventura antes de ser recuperada pela artista fotográfica britânica Mandy Barker.

A própria Mandy ficou surpresa ao descobrir que a fita ainda funcionava depois de enviá-la para um restaurador de áudio profissional e, por isso, decidiu incluir a descoberta ao lado da tracklist em sua instalação de turnê, Sea of ​​Artefacts.

Mal sabia ela que a dona apareceria para ver seu show.

“Quando eu estava lendo o tracklist, parecia muito familiar para mim”, disse Stella.

“Então tirei uma foto e comparei com o CD original de 1993, que ainda tenho – e era exatamente a mesma tracklist, mas começando com a faixa três.

“Lembro que não gostei das duas primeiras músicas do CD porque senti que eram velhas demais, então não as incluiria quando gravei a mixtape com 12 anos.

“Eu também tenho uma associação com a música do Jungle Book e essa sempre foi a terceira faixa.

“Eu sempre gravava fitas dos meus CDs nesse momento para ouvi-las com o meu Walkman, especialmente nas férias, e pensar que uma fita que eu poderia ter perdido mais de 20 anos atrás foi encontrada era incrível”.

A fotógrafa Mandy – que costuma usar seu trabalho para aumentar a conscientização sobre a poluição de plásticos nos oceanos do mundo – ficou tão surpresa quanto Stella.

“Mesmo depois de colocar a fita para tocar, foi uma oportunidade incrível para Stella entrar na minha exposição e reconhecer sua fita”, explicou ela.

“Ela disse que ficou chocada ao encontrá-lo e quando li o e-mail dela, também não pude acreditar. Foi um choque o tempo todo.

“As músicas no começo estavam danificadas, mas as músicas estavam tão claras quanto seriam hoje. Mostra quanto tempo o plástico pode existir no mar”.

Traduzido e adaptado por equipe Minilua
Fonte: Ladbible