Mandioca: seus benefícios e perigos

ANÚNCIO

ANÚNCIO

A mandioca é um legume amplamente consumido nos países em desenvolvimento. Ele fornece alguns nutrientes importantes e amido resistente, que podem trazer benefícios para a saúde. Por outro lado, a mandioca pode ter efeitos perigosos, especialmente se for consumida crua e em grandes quantidades.

A mandioca é um vegetal ou tubérculo de raiz rica. Nativa da América do Sul, é uma importante fonte de calorias e carboidratos para pessoas em países em desenvolvimento. É cultivada em regiões tropicais do mundo devido à sua capacidade de resistir a condições de crescimento difíceis – na verdade, é uma das culturas mais tolerantes à seca.

Mandioca: seus benefícios e perigos

Nos Estados Unidos, a mandioca é muitas vezes chamada de yuca e também pode ser referida como mandioca ou araruta brasileira. A parte mais comumente consumida da mandioca é a raiz, que é muito versátil. Pode ser comida inteira, ralado ou moído em farinha para fazer pão e bolachas.

Além disso, a raiz de mandioca é conhecida como a matéria-prima utilizada na produção de tapioca e garri, um produto similar à tapioca. Indivíduos com alergias alimentares muitas vezes se beneficiam do uso da raiz de mandioca na culinária e na panificação, pois é isenta de glúten. Uma nota importante é que a raiz de mandioca deve ser cozida antes de ser comida. A mandioca crua pode ser venenosa.

Mandioca: seus benefícios e perigos

O processamento da mandioca pelo descascamento, corte e cozimento reduz significativamente o valor nutricional. Isso ocorre porque muitas das vitaminas e minerais são destruídos pelo processamento, assim como a maioria das fibras e amido resistente. Portanto, as formas mais populares e processadas de mandioca – como tapioca e garri – tem um valor nutricional muito limitado.

Clique em “Próximo” para ler o restante do conteúdo da postagem.