Mamãe dá à luz um bebê ‘com contra Covid-19, mas sem a doença’

Uma mulher deu à luz um bebê com anticorpos contra o coronavírus. A mãe de Cingapura, que foi infectada com o coronavírus em março, quando estava grávida, deu à luz uma criança que não tinha Covid-19.

O bebê tinha anticorpos contra o coronavírus, no entanto, dando-lhes proteção contra a doença mortal, informou o jornal Straits Times no domingo.

“Meu médico suspeita que transferi meus anticorpos Covid-19 para ele durante minha gravidez”, disse a mãe Celine Ng-Chan ao jornal.

Ainda não se sabe se feto pode ser contaminado pela mãe

Ng-Chan estava levemente doente devido à doença e recebeu alta do hospital após duas semanas e meia.

A Organização Mundial de Saúde afirma que ainda não se sabe se uma mulher grávida com Covid-19 pode transmitir o vírus ao feto ou bebê durante a gravidez ou parto.

Até o momento, o vírus ativo não foi encontrado em amostras de fluido ao redor do bebê no útero ou no leite materno.

Médicos na China relataram a detecção e o declínio ao longo do tempo de anticorpos Covid-19 em bebês nascidos de mulheres com a doença do coronavírus, de acordo com um artigo publicado em outubro na revista Emerging Infectious Diseases.

Crianças desenvolveram anticorpos, mesmo testando negativo

A transmissão do novo coronavírus de mães para recém-nascidos é rara, relataram médicos do Irving Medical Center da Universidade de Nova York/ Columbia University em outubro na JAMA Pediatrics.

A questão de quando as pessoas obtêm ou não anticorpos continua a lançar algumas respostas surpreendentes.

No início deste mês, três crianças de uma família na Austrália desenvolveram anticorpos contra Covid, apesar do teste ser negativo para o coronavírus.

Foto: (reprodução/internet)

Pesquisadores do Murdoch Children’s Research Institute detalharam o caso incomum em um novo relatório.

Os pais tiveram resultado positivo e apresentavam sintomas de coronavírus, após comparecer a um casamento interestadual sem os filhos.

Criança mais nova apresentou a maior taxa de anticorpos

Apesar de estar em contato próximo com seus pais infectados, nenhuma das três crianças testou positivo para o vírus.

No entanto, os testes de anticorpos revelaram que todos os membros da família tinham anticorpos na saliva.

Foto: (reprodução/internet)

A Dra. Melanie Neeland, que liderou o aspecto laboratorial do relatório, disse: “A criança mais nova, que não apresentou nenhum sintoma, teve a resposta de anticorpos mais forte.”

“Apesar da resposta imunológica ativa em todas as crianças, os níveis de citocinas, mensageiros moleculares no sangue que podem desencadear uma reação inflamatória, permaneceram baixos. Isso era consistente com seus sintomas leves ou nenhum. ”

Traduzido e adaptado por equipe Minilua

Fonte: Mirror