Minilua

Os maiores mistérios da humanidade #114

Embora algumas pessoas digam que a curiosidade matou o gato, parece que os seres humanos são imunes a esta afirmação. Nesta série vamos apresentar alguns dos maiores mistérios conhecidos pelo homem. Embora nem todos mistérios do mundo estejam listados aqui, alguns são realmente interessantes, caso você consiga resolver algum desses mistérios deixe um comentário abaixo para que possamos discutir sobre o assunto.
Boa Leitura!

Colônia de Roanoke

Em 1587, liderados por John White, 121 colonos chegaram na ilha de Roanoke, na atual Carolina do Norte, para estabelecer uma colônia, como mandava o acordo firmado com a Inglaterra. As tensões com a população nativa começaram a se agravar, no entanto, John White voltou para a Inglaterra a fim de solicitar reforços para sua colônia. Quando ele voltou alguns anos depois, sua colônia tinha desaparecido e o local além de deserto não tinha sinais de luta e não havia vestígios dos colonos em lugar nenhum. O acordo ficou conhecido como o Lost Colony e nenhum de seus membros nunca mais foi visto.

Pedras de vela

No Vale da Morte em Racetrack, pedras gigantescas misteriosamente deslizam sobre a superfície da terra sem nenhum tipo de força externa agir sobre elas. Enquanto alguns pesquisadores acreditam que uma combinação de eventos naturais, como o vento e gelo, fazem com que estas pedras “caminhem” sobre a superfície, outros questionam essa teoria apontando que as pedras não seguem um caminho previsível e mudam a direção constantemente.

Taos Hum

Um som de baixa frequência, muitas vezes descrito como algo semelhante a um motor de diesel em marcha lenta é escutado em vários lugares em todo o mundo, especialmente nos EUA, Reino Unido e norte da Europa. O nome vem da pequena cidade de Taos, Novo México, onde em 1997 pesquisadores tentaram identificá-lo. Apesar dos esforços, sua origem permanece um mistério.

Wow

Em 15 agosto de 1977, o Dr. Jerry R. Ehman detectou um sinal de rádio, enquanto trabalhava em um projeto no telescópio de rádio da Ohio State University. Ele transcreveu que o sinal teria lhe enviado uma mensagem. Espantado, seu comentário a respeito foi simplesmente “Wow!” como ficou conhecido o sinal misterioso.

Vile Vórtices

Um termo descrito por Ivan Sanderson referindo-se as doze áreas geográficas responsáveis por vários desaparecimentos misteriosos. O mais conhecido dos chamados “vórtices” é o Triângulo das Bermudas. Outros incluem os Megaliths argelinos ao sul de Timbuktu, Vale do Indo, no Paquistão, e o “Mar do Diabo” perto do Japão.

Bola de luz

Um fenômeno atmosférico inexplicável que consiste em bolas flutuantes de energia elétrica. Devido à sua natureza rara, tem-se revelado quase impossível estudar este fenômeno. O caso mais bem documentado ocorreu em 1984, quando uma bola de luz medindo cerca de quatro polegadas de diâmetro entrou em um avião russo e “voou acima das cabeças dos passageiros antes de deixar o avião quase sem fazer barulho.”

Combustão espontânea

A combustão espontânea foi gravada várias vezes ao longo da história, porém nenhuma pesquisa feita sobre o tema deu respostas conclusivas sobre a origem deste fenômeno. Algumas das explicações mais aceitas incluem eletricidade estática, alta concentração de gases, e níveis elevados de álcool no sangue.

Explosão em Tunguska

Em 1908, uma bola de fogo ardente desceu do céu e devastou uma área de cerca da metade do tamanho de Rhode Island, no deserto de Tunguska, na Sibéria. Tem sido estimado que a explosão era equivalente a 2.000 bombas atômicas iguais as que caíram sobre Hiroshima. Embora por muitos anos os cientistas acreditarem que a explosão ocorreu por força de um meteorito, a falta de provas levou a numerosas especulações variando de OVNIs a Bobinas de Tesla e até hoje ninguém sabe ao certo o que causou a explosão.

Triângulo das Bermudas

Uma área de água entre a Flórida e Porto Rico, o Triângulo das Bermudas foi responsável pelo desaparecimento inexplicável de inúmeros navios e aeronaves. Ao longo dos anos muitas explicações foram apresentadas sobre os desaparecimentos, incluindo mau tempo, variações na atividade eletromagnética, e bolhas de gás metano.

Pé Grande

Também conhecido como o Sasquatch, seus avistamentos costumam acontecer no Noroeste americano. Embora a maioria dos especialistas considerem a lenda como falsa, há vários relatos e provas afirmando a sua existência. Assim como o monstro do lago Ness, algumas pessoas afirmam que o Pé Grande possa ser um remanescente vivo da época dos dinossauros – especificamente um black Gigantopithecus – um macaco super grande.

Atlantis

Em seu diálogo Timeu e Crítias, Platão descreve Atlântida como uma potência naval formidável que conquistou grande parte da Europa e África por volta de 9000 a.C. Depois de não conseguir invadir Atenas, ela afundou no oceano. Embora tenham havido numerosos esforços para localizar os restos da cidade, nada foi encontrado.

Amelia Earhart

Durante uma tentativa de fazer um voo ao redor da Terra em 1937, Earhart desapareceu sobre o Oceano Pacífico central perto da Ilha de Howland, após dar sua última transmissão de rádio. Embora acreditem que Earhart ficou sem combustível e caiu no mar, existem inúmeras especulações de que ela foi captura por forças japonesas para viver o resto de seus dias como espião para a CIA.

Manuscrito Voynich

Um documento medieval escrito em uma língua desconhecida, por centenas de anos o seu conteúdo tem permanecido um mistério. Embora a teoria que prevaleça é que ele serviu como uma farmacopeia, as ilustrações intrigantes têm alimentado muitas outras teorias sobre sua origem e conteúdo.