Minilua

Justiça libera fotos de Xuxa nua no Google

O Superior Tribunal de Justiça (STJ), elegeu o Google como o vencedor da causa com a apresentadora Xuxa Meneghel. Em um processo aberto em 2010 na Justiça do Rio, a apresentadora pediu que o site de buscas não exibisse links de sites que relacionassem as palavras "pornografia" e "pedofilia" ao seu nome.

As palavras juntas levam a resultados do filme "Amor Estranho Amor" de 1982, em que aparece a apresentadora em cenas eróticas com um garoto de 12 anos. Na época do filme, Xuxa tinha apenas 16 anos.

De acordo com o STJ, o Google não pode ser obrigado a limitar os resultados das buscas, já que não é o responsável pelo conteúdo, mas somente é um meio de acesso aos conteúdos publicados nos sites. A apresentadora ainda pode recorrer da decisão.

<-- /home/edenilson/web/minilua.com/public_html/wp-content/cache/static/https/minilua.com/justica-libera-fotos-xuxa-nua-google/amp/index.html //-->