Descubra se está valendo a pena investir na poupança durante a pandemia

ANÚNCIO

Há algum tempo, era bem comum as pessoas venderem terrenos, gado, carros e tudo mais o que tivessem para investir na poupança. Afinal, ela oferecia juros que valiam a pena. Mas, a pergunta mais recente é: investir na poupança durante a pandemia ainda é uma boa? Vamos descobrir.

Até mesmo porque as coisas mudaram muito de lá para cá. Principalmente em 2012, quando uma nova regra foi criada para compor o rendimento das cadernetas de poupança. Desde então ela é calculada se baseando na Selic.

ANÚNCIO

Em resumo, ela rende 70% da Selic e mais um TR (Taxa Referencial), que desde o ano passado está zerada. Então, o rendimento ficou bem abaixo do que se esperava. Mesmo sabendo disso, as pessoas querem ir além: a poupança vale a pena ou não?

Se a sua dúvida é por conta do coronavirus e você tem medo de ficar sem dinheiro, saiba que vamos fazer um apanhando sobre o assunto de um modo geral. A ideia é que você entenda melhor o que está acontecendo no mercado antes de deixar o seu dinheiro parado lá.

O crescimento do número de investidores na pandemia

Apenas no mês de abril, o número de pessoas que optaram em investir seu capital na poupança foi extremamente alto.

ANÚNCIO

O Brasil registrou um recorde líquido histórico de R$ 30,46 bilhões somente naquele mês. Inclusive, essa marca havia sido alcançada a última vez em maio de 1995. Então, foram depositados R$ 215,36 bilhões e sacados, somente R$ 184,9 bilhões.

Para que você entenda o tamanho dessa renda líquida, saiba que durante todo o ano passado foram arrecadados um total de R$ 13,33 bilhões, um número 2 vezes inferior aos números apresentados em abril deste ano.

O motivo é o Auxílio Emergencial?

Sem dúvidas que um dos motivos responsáveis por essa arrecadação tão gigante é o Auxílio Emergencial. Ele é uma ajuda do governo que tem por objetivo auxiliar com a distribuição de renda para profissionais liberais, desempregados, autônomos, viúvas e outros.

Esse dinheiro, quase sempre, vai direto para uma poupança. Com isso, muitos dos beneficiários se quer tinham conta em banco. Logo, isso acabou fazendo com que os recursos ficassem parados na caderneta criada.

E sem contar que tem também o caso das pessoas que realmente não fizeram o saque ou apenas uma parte e deixaram o restante investido. Até mesmo porque para fazer o saque presencial, ainda é preciso seguir as datas que o governo lança periodicamente.

Outro motivo é que a população gastou menos?

Essa também pode ser uma verdade. Dessa forma, o fato de investir na poupança durante a pandemia pode estar ligado ao distanciamento social. Já que como milhares de brasileiros ficam em casa, o consumo também foi menor – assim como os saques da caderneta.

Inclusive, para especialistas, faz muito sentido essa atitude tomada pela população. A explicação é que não se sabe quanto tempo irá durar a pandemia da Covid-19. Logo, ter um dinheiro guardado para algum imprevisto é fundamental para o bem-estar financeiro.

Por conta disso, o número de aplicações pode ter aumentado. Assim, resumidamente, também tem a questão de que a poupança acaba sendo uma opção de fácil acesso, pois pode ser retirado a qualquer momento – fato que quase não acontece em outras aplicações.

Mas, a poupança é a melhor alternativa?

Para responder essa pergunta é preciso fazer algumas análises, além de tudo o que já consideramos acima.

A primeira é que no mês de março a poupança registrou um aumento acima da inflação, a última vez que isso tinha ocorrido foi em novembro do ano passado.

Por conta dessa pandemia, o mercado de variáveis está muito inconstante, reagindo fortemente a qualquer novidade que está surgindo, como nas falas do presidente. Também por conta disso, investir dinheiro em opção segura é uma ideia.

Além disso, é preciso ainda levar em conta que fundos de renda fixa também tiveram quedas de rendimento, assim como fundos de crédito privado, como debêntures.

Então, vale a pena investir na poupança durante a pandemia?

Saiba que todas essas situações são apenas possibilidades que podem estar interferindo na poupança. Porém, é certo afirmar que a poupança é o melhor tipo de investimento, como era antigamente? Não.

Saiba que mesmo com essa crise e a segurança que a poupança costuma apresentar, ela não é a melhor solução para esse momento. O motivo, assim como aqueles que explicam porque há tanto investimento nela, também são simples: o rendimento é baixo demais.

investir na poupança durante a pandemia

Com a baixa da Selic e a alta da inflação, a poupança acaba desvalorizando o poder de compra do investimento ao longo dos anos. Então, é como se você perdesse dinheiro. De verdade.

A boa notícia é que tem saídas, como outros ativos da renda fixa, que rendem mais e são seguros.

A educação financeira

Antes de terminar, saiba que mesmo que você tenha dinheiro na poupança, você não é um pecador. A educação financeira serve justamente para darmos os primeiros passos. E nessa situação, a poupança pode ser útil.

Se você criou o hábito de guardar dinheiro e sabe da necessidade de ter uma reserva financeira, ótimo, você está no caminho certo. O seu próximo passo é sobre escolher a melhor forma de investimento – seja antes, durante ou depois da pandemia.

Mas, de qualquer forma, fica aqui uma ressalva: a rentabilidade da poupança ainda é muito baixa e existem muitas outras opções que podem ser utilizadas para os mesmos fins, como a reserva de emergência.

ANÚNCIO