Minilua

Incríveis fatos sobre os cometas

Quando falamos em cometas, o primeiro nome que surge na cabeça é o do cometa Halley, mas o que você realmente sabe sobre cometas? De que são formados, quantos existem no Universo e quais são os perigos que oferecem a Terra. Aqui estão 6 fatos fascinantes sobres os cometas.

1 – De que são compostos os cometas?

Essencialmente, cometas são “pedras de gelo sujo”. Seus núcleos são compostos de gelo, poeira e pequenos fragmentos rochosos. Os cometas podem variar sua extensão de alguns metros até dezenas de quilômetros.

2 – Há muitos cometas por aí?

Até agora, os cientistas já descobriram cerca de 4 mil cometas em nosso Sistema Solar. E há evidências que ainda existem centenas de milhões, talvez trilhões, a serem descobertos.

3 – Todos os cometas orbitam o Sol

Os cometas têm diferentes formas e tamanhos, porém eles tem uma coisa em comum: Todos estão na órbita do Sol. Acredita-se que os cometas de “período curto” vem do cinturão de Kuiper – uma região localizada além da órbita de Netuno – e levam cerca de 200 anos para completarem sua órbita. Já os cometas de “período longo”, vem da nuvem de Oort, uma região muita mais afastada que o cinturão de Kuiper, quase na borda do Sistema Solar, e por isso esses cometas podem levar centenas de milhares de anos para completarem sua órbita.

4 – Os cometas podem atingir o Planeta Terra – e vão

Uma nova pesquisa sugere que a cerca de 28 milhões de anos, um cometa atingiu o deserto do Saara. Há ainda centenas de outros cometas que estão próximos a Terra. Só a NASA descobriu mais de 10 mil objetos (entre asteroides, meteoros e cometas) que estão próximos a nossa atmosfera. É possível que esses objetos saiam de sua órbita e colidam com a Terra. Contudo, a NASA afirma que nenhum desses objetos são uma ameaça ao planeta atualmente.

5 – Os cometas podem ter trazido vida para a Terra – e encheram nossos oceanos

A NASA descobriu que alguns cometas possuem aminoácido glicina, elemento essencial para vida. As colisões deles podem ter trazido material orgânico a Terra e podem ter fornecido a energia necessária para a síntese das moléculas mais complexas, que depois originaram a vida. Além disso, cientistas descobriram água dentro de um cometa, que tinha a composição química muito parecida com a nossa água. Isso sugere que os cometas podem ter sido os responsáveis por trazer o líquido da vida para cá.

6 – Cometas tem duas caudas – não uma

Conforme um cometa vai se aproximando do Sol, a radiação solar faz com que os materiais dentro  dele virem gás e saiam do núcleo, carregando poeira. Essa poeira e gás liberados formam uma enorme e tênue atmosfera em torno do cometa, chamada de coma. A força exercida nesta atmosfera pela pressão da radiação do Sol faz com que uma enorme cauda se forme. Esse rastro de poeira criado pode chegar a 96 milhões de quilômetros de comprimento. Já o gás, forma uma segunda cauda azulada, que aponta para longe do Sol e pode chegar até 500 milhões de quilômetros de comprimento.

Siga Diego Martins no Google+: gplus/diegomartins

Ou adicione no Facebook: http://www.facebook.com/diegominilua

Faça parte de nosso grupo: http://www.facebook.com/groups/188760724584263/