O incrível mundo das diferenças

Nós estamos acostumados a um certo tipo de pessoa, devido as características de nosso país, e muitas vezes esquecemos como o mundo é grande. São tantas culturas e costumes diferentes, que não temos a ideia de quão grandes são essas diferenças, mas elas existem.

Esse mundo multifacetado é incrível, belo, diferente e estranho, tanto que apenas vendo o rostos das pessoas de lugares distantes e escondidos, nós temos uma ideia de como todos humanos, apesar de sermos “iguais” em certas partes, somos extremamente diferentes:




Nenets

317d5e2bbf8ef33a545aaa0e369a8945

De origem russa, os nenets vivem em uma região ao norte da Rússia. Hoje apenas 40 mil deles ainda existem.




Daasanach

e5d3c550812c6653440d40a04ee69512

Os daasanachs são um povo que vive na Etiópia, Quênia e Sudão. Eles, que costumam morar a beira do lago Turkana, sobrevivem graças a criação de animais em campo aberto. Hoje em dia existem apenas 48 mil representantes desse povo. 




Fulani

07da6d7f42b6058b48292c2981ebb5f2

O povo fulani é o maior grupo étnico migratório do mundo. Eles podem ser encontrados em diversas áreas da África, com cada grupo menor tendo algumas características diferentes, mas, em geral, eles são semelhantes em sua musicalidade e também no idioma, o Fula. Existem mais de 30 milhões de representantes desse povo, espalhados por uma área maior do que o Brasil.




Dayak

 d26311cd1bb842100982a2f8dc0a252b

Os Dayks são habitantes da maior ilha asiática, conhecida como Borneo. Esse povo se divide em vários subgrupos, que habitam as colinas no interior da ilha, cada um tendo seu idioma, costumes e leis. Antes do contato com o “homem branco”, os dayks eram adeptos do animismo, uma crença onde animais e plantas possuem espíritos. Mas, hoje em dia, muitos são católicos ou islâmicos. Ainda existem mais de 18 milhões de representantes desse povo.




Paquistanês

 395bd2309f4319d8b31f437881d191db

Obviamente, os paquistaneses são as pessoas que nascem no Paquistão. Mas nesse país existem diversos grupos étnicos diferentes, com línguas próprias e culturas totalmente opostas.

Esse representante do povo paquistanês é Rafiq Moar Khan, que tinha 103 anos quando essa foto foi tirada, ainda em 2010. Ele é ex-militar.




Marroquinos

 a190f56a5b243137a4309e9c6bdb5e36

O Marrocos é um país com 33 milhões de pessoas, que surgiram das mais variadas origens, indo desde europeus até os berberes, um grupo do norte da África.

Esse homem da imagem é um vendedor de água, que trabalha em um dos mercados a céu aberto que existem naquele país.

Receba mais em seu e-mail
Topo