Homem pode enfrentar 15 anos de prisão por infectar 11 pessoas com coronavírus

ANÚNCIO

Eric Torales, 24 anos, participou de uma festa de aniversário em Buenos Aires depois de voltar dos EUA, onde 11 foram infectados com Covid-19, incluindo uma menina de 15 anos e duas pessoas idosas.

Homem pode enfrentar 15 anos de prisão por infectar 11 pessoas com coronavírus

ANÚNCIO

Um homem que participou de uma festa de aniversário, apesar de ignorar as leis de quarentena, pode ser preso por 15 anos depois que 11 pessoas foram ‘infectadas’.

Eric Torales, 24 anos, foi à festa de 15 anos de um amigo da família em Buenos Aires depois de voltar dos EUA.

Um dia antes de comparecer à festa, o governo argentino impôs uma lei na qual quem volta ao país de outro local afetado pelo coronavírus deve se isolar.

ANÚNCIO

Eric agora enfrenta até 15 anos atrás das grades se os promotores puderem provar que ele voluntariamente espalhou o Covid-19.

Ele voltou para casa no dia 13 de março e foi à festa em Moreno no dia seguinte, informa a agência Todo Noticias.

Cerca de cem outras pessoas compareceram às celebrações. Cinco dias depois, diz-se que Eric experimentou problemas respiratórios, um dos sintomas associados ao coronavírus, antes de ser colocado em terapia intensiva no hospital após testar positivo.

Uma menina de 15 anos foi uma das 11 infectadas na festa, juntamente com dois idosos com idades entre 79 e 76 anos.

Homem pode enfrentar 15 anos de prisão por infectar 11 pessoas com coronavírus

Pelo menos outros 20 foram colocados em observação.

Ele só pode sair de casa para consultas médicas.

Os funcionários agora estão tentando acusá-lo de espalhar uma doença contagiosa e podem ser presos entre três e 15 anos de prisão se ele for considerado culpado de violar o artigo 202 do Código Penal.

Houve 589 casos de coronavírus na Argentina, que mataram 13.

Traduzido e adaptado por equipe Minilua
Fonte: Mirror

 

ANÚNCIO