Homem mais velho do mundo morre aos 146 anos

Foto: Reprodução Mirror

Morreu nesta segunda-feira (01/05), Saparman Sodimejo, mais conhecido como “avô Ghoto”, que afirmava ser o homem mais velho do mundo. O indonésio de 146 anos, dizia que nasceu em dezembro de 1870, porém o país só começou a registrar os nascimentos em 1900.

No ano passado, avô Gotho mostrou o documento comprovando a data de nascimento, e agentes locais confirmaram a data, porém, nenhuma outra verificação independente conseguiu comprovar, por isso Gotho nunca entrou para o Guinness Book, o Livro dos Recordes. Hoje a pessoa mais velha comprovada é Jeanne Calment, que morreu em 1997 com 122 anos.

O indonésio que nasceu na Ilha de Java era fumante convicto, e quando perguntado sobre a sua longevidade, ele dizia que a paciência era fundamental e que tinha uma boa vida porque era cercado de pessoa que o amava e cuidava dele. O homem teve quatro esposas - todas já morreram - 10 irmãos, e um número não calculado de filhos.

Gotho foi levado para o hospital no dia 12 de abril por causa da sua saúde já precária. Quando retornou para a casa, ele se alimentava e hidratava muito pouco e isso foi um dos motivos para a sua morte.

Receba mais em seu e-mail
Carregar mais
Topo