Hollie Tatnell, está em um túmulo solitário no meio da estrada do Texas

ANÚNCIO
ANÚNCIO

Um Túmulo solitário no meio da estrada

Medianas nas estradas são comuns. Você não pode atravessar a América sem ver algum tipo de barreira entre você e o tráfego que se aproxima. Mas você normalmente não espera que a mediana contenha um corpo morto. Esse é exatamente o caso, no entanto, na pequena cidade de Hearne, Texas.

Hollie Tatnell

Embora isso possa parecer o começo de uma história de horror ou um mistério de assassinato, na verdade é uma peça interessante de Americana.

A história de Hollie Tatnell é um pouco perdida para a história de Hearne, TX, e de certa forma seu túmulo é tudo o que nos resta.

Hollie Tatnell

Nascida em 1859, Tatnell era escrava. Quando ela morreu em 1911, 46 anos após a 13ª emenda abolir a escravidão nos EUA, ela foi enterrada no cemitério segregado de Hearne. Seu descanso lá foi ininterrupto até 1947.

Não é que Tatnell estivesse perturbada naquele momento, mas ela quase estava. Os desenvolvedores compraram a terra e começaram a empurrar famílias negras para fora do bairro. Os corpos foram exumados e movidos.

Os desenvolvedores tentaram combatê-lo, mas com um cronograma de construção apertado, eles decidiram deixar o túmulo de Hollie Tatnell exatamente onde estava e construir em torno dele.

Hollie Tatnell

PARTE DAS ÁGUAS

Agora, o túmulo está no meio de uma estrada residencial. Sua forma amendoada evoca a imagem de uma ilha forte no meio de um rio correndo; permanece firme enquanto a água corre ao seu redor.

A Comissão Histórica do Texas criou uma placa indicando o local como um Cemitério Histórico do Texas.

Este túmulo único serve como um lembrete da comunidade afro-americana da área e da santidade dos cemitérios.

Traduzido e adaptado por equipe Minilua
Fonte: Ripleys