Ex-vegana alimenta filho de dois anos apenas com carne e produtos de origem animal

ANÚNCIO
ANÚNCIO

Uma mãe que se converteu ao veganismo agora foi completamente na direção oposta e só alimenta seu filho com carne e produtos de origem animal, como bife cru.

Sim, isso é bife cru no café da manhã.

Ex-vegana alimenta filho de dois anos apenas com carne e produtos de origem animal

Gloria Zasso, seu marido Thomas e Isaac, seu filho de dois anos, adotaram uma dieta completamente carnívora, o que significa que eles comem coisas como bife cru ou miudezas no café da manhã.

O jantar está cozido – eles terão algo como o lombo de cordeiro assado lentamente.

Enquanto o casal às vezes dá ao filho coisas como frutas, é uma raridade. Eles não lhe dão legumes regularmente.

Apesar de tudo isso, Gloria era realmente vegetariana por muitos anos de sua vida. A jovem de 30 anos iniciou uma dieta vegetariana com apenas 12 anos de idade.

De acordo com sua decisão – tomada por razões morais -, ela mudou para o veganismo mais tarde. Ela afirma que achava que comer carne era ‘desagradável’ e que ela nunca gostou do sabor mesmo.

Bem, é justo dizer que ela está entrando nisso agora.

Você provavelmente está se perguntando por que ela fez isso.

Aparentemente, porque ela começou a ficar regularmente doente durante os 20 anos. Ela pegava gripe, bronquite e infecções do trato urinário o tempo todo.

Então, ela experimentou maneiras de aumentar seu sistema imunológico. Isso a levou a se tornar vegana aos 24 anos.

Gloria explicou: “Foi numa época em que muitas pessoas estavam falando sobre o veganismo como uma maneira de melhorar sua saúde, e então pensei em tentar.

“Eu tomava antibióticos duas ou três vezes por ano e não queria mais fazer isso.

Esse sentimento não durou. Uma vez que ela deu à luz Isaac, foi atingida por artrite reumatóide e começou a sentir dores horrendas nas mãos e nos pés.

Ela se recusou a tomar o metotrexato, um medicamento usado em quimioterapia, por sua condição, mas começou a se perguntar sobre sua dieta vegana.

Depois de um tempo introduzindo alguns produtos de origem animal em sua dieta e vendo melhorias, ela tentou carne novamente em 2018.

Ex-vegana alimenta filho de dois anos apenas com carne e produtos de origem animal

Para sua surpresa, isso ajudou.

Ela continuou: “Não parecia particularmente agradável, mas eu não estava comendo carne por prazer, então pensei em experimentar.

“A primeira vez que fiz isso, eu realmente tive que forçar e segurar meu nariz enquanto comia – mas depois disso comecei a me sentir melhor.

“Ainda sou contra os maus-tratos a animais, mas ainda não defendo a filosofia de que não devemos comer animais.

“Eu garanto que tudo o que consumimos tenha sido bem tratado e morto humanamente, além de tentar comer para que haja o mínimo de desperdício possível. E eu estou em paz com isso”.

Ela acrescentou: “Eu ainda não gosto do gosto de comer carne – ainda o vejo como um tipo de remédio, mas um dia pode ser que eu goste.

“Sinto-me muito melhor agora. Posso viver minha vida novamente e sou capaz de funcionar, o que por um tempo não pude.

“Agora, Isaac e Thomas comem quase o mesmo que eu, e eles parecem gostar.

“É claro que recebo muitas críticas de pessoas que conheço e de mídias sociais, principalmente no que diz respeito a Isaac, dizendo que é irresponsável não dar legumes a uma criança.

“Como mãe, você está sempre questionando suas escolhas, e eu me preocupo com o que ele come – mas até agora ele é saudável e ativo, e você precisa ouvir o que o corpo está lhe dizendo.”

Traduzido e adaptado por equipe Minilua
Fonte: Ladbible