EuVô, o “Uber” criado para seu avô com mais de 60 anos

Seu avô está chegando de viagem e você não vai ter tempo para ficar acompanhando ele nos passeios e não sente segurança para deixar ele pegando os ônibus, ou Uber? Sabia que existe uma plataforma criada para pessoas idosas? É o EuVô.

Para lidar com pessoas com idade mais avançada, em geral é necessário um pouco mais de tato, isso é, uma maneira diferente e com mais calma de se agir em determinadas circunstâncias, e é exatamente pensando neste cuidado que foi criado o EuVô.

Você está preocupado com o parente que vai chegar e não sabe o que fazer para que ele conheça a cidade? pode ser que goste bastante de conhecer esse aplicativo que, como a maioria, chegou para facilitar a vida, só que esse possui um público bem específico.

EuVô
Fonte (Reprodução/internet)

Então, sem mais delongas, que tal conhecer um pouco mais sobre este aplicativo que chegou para cuidar de quem você ama?

Mais que transporte, na EuVô se tem acompanhamento

Diferente do Uber, 99Pop, Cabify e outros aplicativos de transporte, no EuVô os motoristas recebem um treinamento pela própria startup de como tratar os idosos, para que possam acompanhar o passageiro.

ANÚNCIO

Sobre o treinamento que os motoristas recebem, ele possui um custo de R$ 80,00 que é devolvido ao motorista caso ele reprove no curso, o curso, também, possui o acompanhamento do doutor diretor da Faculdade Aberta dos Idosos, Egídio Dória.

Segundo uma reportagem de setembro do jornal Estadão, o aplicativo está com 18 motoristas rodando, e 43 motoristas cadastrados em uma lista de espera para começar a rodar. Com 1.500 clientes cadastrados, os motoristas realizam, em média, 150 corridas por mês.

Informações para os usuários

Para utilizar os serviços, o cliente precisa agendar a viagem com, pelo menos, 3 horas de antecedência, então nada de saídas de última hora e, o agendamento? Pode ser feito por telefone, whatsapp ou site.

No aplicativo é possível, também, criar sua conta e colocar o nome do idoso em questão como o passageiro, até por que, em geral, quem faz os pedidos são filhos e netos.

Não só com pessoas da terceira idade, o aplicativo se preocupa com passageiros que possuam a mobilidade reduzida, como deficientes físicos, e o pedido? É realizado de forma muito simples e prática, assim como o cadastro.

O pagamento pode ser feito pelo cartão ou você pode adicionar um saldo também, agora, um pequeno detalhe que pode não ser tão agradável, dependendo de qual região do Brasil você estiver, atualmente ele está em operação apenas no estado de São Paulo.

Como surgiu a ideia?

Agora, se você está se perguntando, “porquê um aplicativo focado em pessoas com mais idade?” A ideia surgiu quando dois irmãos precisaram voltar para a cidade natal, São Carlos, para cuidar de sua mãe portadora de esclerose múltipla.

Além disso, com o avanço da medicina e o crescente cuidado com a saúde e bem estar, o que se tem percebido ao longo dos anos é um crescimento constante da expectativa de vida do brasileiro, de 2010 a expectativa de 73,9 anos, já em 2018 era de 76,30.

Juntando os dois fatos, os dois irmãos identificaram o crescimento da expectativa de vida da população brasileira, identificaram sua “dor”, no sentido de encontrar uma certa dificuldade no transporte de sua mãe e pensaram em algo que solucionasse ambos os problemas, e foi assim que o EuVô nasceu!

ANÚNCIO