Eternas promessas do futebol: Carlos Alberto #4

Continuando a série “Eternas promessas do futebol”, hoje falo de um jogador que é bastante talentoso, mas que devido a inúmeras lesões e falta de “consciência”, nunca conseguiu atingir o nível que demonstrava ter condições de alcançar no início da carreira.

Nascido em 1984, na cidade de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro, Carlos Alberto é talvez um dos jogadores mais polêmicos que o futebol carioca tem e já teve em sua história. Com uma carreira marcada por contusões, lances de craque, declarações, confusões e partidas apagadíssimas, o meia jogou fora a oportunidade de alcançar objetivos gigantescos.

carlos alberto




Fluminense

Criado nas categorias de base do Fluminense, Carlos Alberto surgiu como promessa e logo virou realidade. Suas excelentes atuações pelo tricolor carioca acabaram por despertar o interesse do Porto.




Porto

A adaptação no futebol português não poderia ter sido melhor, Carlos Alberto tinha a confiança do treinador, na época, José Mourinho, e por isso ganhou destaque rapidamente. Seu maior feito no clube foi o gol na final da Champions League, competição essa que foi vencida pelo próprio Porto.

Após o sucesso no Porto, Carlos Alberto viu seu rendimento cair, com isso acabou voltando para o Brasil. O destino escolhido foi o Corinthians, clube esse que estava em alta e contava com um super time.




Corinthians

Ao lado de craques como Nilmar, Carlitos Tevez e Roger, Carlos Alberto foi um dos responsáveis pela conquista do Campeonato Brasileiro de 2005. O problema foi que as lesões, confusões e atuações apagadas fizeram com que o meia deixasse o Parque São Jorge e rumasse para o seu time formador, o Fluminense.




Retorno ao Fluminense

Nas Laranjeiras, Carlos Alberto reencontrou o bom futebol e conduziu o Fluminense ao inédito título da Copa do Brasil. Com boas atuações, o jogador foi vendido para o Werder Bremen da Alemanha.




Werder Bremen e São Paulo

Carlos Alberto nunca se firmou no clube alemão e por isso voltou mais uma vez para o Brasil, dessa vez o destino seria o São Paulo. Lá o jogador alternou bons e maus momentos, até que rescindiu com o tricolor paulista e acertou com o Botafogo.




Botafogo

No Botafogo, Carlos Alberto foi bem, mas problemas com salários atrasados e direitos de imagem vencidos fizeram com que o meia saísse antes do término do seu contrato. Necessitando de um talento para assumir o meio campo do time, o Vasco contratou o jogador.




Vasco

Com o Gigante da Colina na Série B do Brasileirão, Carlos Alberto viu a oportunidade de recomeçar a carreira. Sua temporada pelo Vasco foi sensacional, onde o jogador carregou o cruzmaltino nas costas e colocou o clube de volta na elite do futebol brasileiro.

carlos alberto 1

Passada a Série B, as atuações de Carlos Alberto já não estavam no mesmo nível das anteriores. Jogando mal e com problemas de relacionamento com o presidente do clube, Roberto Dinamite, o meia foi emprestado ao Grêmio.




Grêmio e retorno ao Vasco

No tricolor gaúcho sua passagem foi relâmpago, assim como no Bahia. Em 2012 retornou ao Vasco após conversa e reconciliação com Roberto Dinamite. Após algumas boas partidas, o meia voltou a se lesionar com frequência e acabou dispensado.




Goiás e Botafogo

Após sair do Vasco, Carlos Alberto rumou para o Goiás, onde atuou apenas seis vezes e colecionou cartões amarelos. Dispensado do Esmeraldino, o jogador agora está no Botafogo. Tem atuado em bom nível nas últimas partidas, mas vê o seu clube cada vez mais próximo da Série B.

Espero que todos tenham curtido esse artigo, os comentários de vocês são muito importantes, por isso deixe sua opinião. Abraço!

Receba mais em seu e-mail
Carregar mais
Topo