Estudos apontam: Stalkers de jogadoras online são perdedores.

Um estudo realizado por Michael Kasumovic, Universidade de New South Wales, e Jeffrey Kuznekoff, Universidade de Miami, provou desigualdade de gêneros nos jogos online. Este expôs que, em certos jogos online, mulheres são quatro vezes mais propensas a receberem insultos, assédios e comentários negativos. Ou seja, com 189 jogadores experimentais, em 163 jogos, todos os homens insultaram um jogador com voz feminina, que estava ali experimentalmente.

Homens que praticam agressão virtual são provavelmente ruins em jogos de computador. A descoberta apoia a teoria de que o assédio é reflexo do próprio senso de um fracasso desses homens.

images.eurogamer.net eurogamer-y59vb1

Saiba mais sobre o estudo:

O casal assistiu o que aconteceu quando um jogador experimental se juntou ao jogo Halo 3, notando contraste peculiar entre respostas quando o jogador usava uma voz masculina ou feminina.

“ELE MOSTROU QUE OS JOGADORES MENOS QUALIFICADOS ERAM MAIS HOSTIS EM RELAÇÃO A UM JOGADOR QUE TIVESSE VOCAIS FEMININOS. EM COMPARAÇÃO, OS MESMO JOGADORES MENOS QUALIFICADOS SE COMPORTARAM DE MANEIRA SUBMISSA A UM JOGADOR DO SEXO MASCULINO, NA MESMA SITUAÇÃO”, DIZ O ESTUDO.

Era mais provável que abusassem verbalmente das jogadoras mulheres, mesmo que a maioria dos comentários depreciativos não fossem explicitamente sexistas.

dailyfailcenter.com gamer-girl_o_203988

O motivo pode ser muito amplo para ser estudado em um só estudo. Porém, este casal se dispôs a testar a hipótese de que o sexismo é impulsionado por homens tentando assegurar espaços “tradicionalmente masculinos”, os quais enxergam como invadidos por mulheres.

Kasumovic e Kuznekoff considerada uma hipótese evolutiva que explica que os homens na parte inferior de uma hierarquia serão mais hostis aos recém-chegados. Isso, porque sentem a perda de seu status dominante quando superados por mulheres.

Michael Kasumovic e Jeffrey Kuznekoff investigaram as razões por trás dessa raiva, dizendo:

“NÃO HÁ MUITAS INVESTIGAÇÕES DEDICADAS A COMPREENDER O COMPORTAMENTO SEXISTA E, GERALMENTE, NÃO TEMOS IDEIA DO QUE O DESENCADEIA”

img.gawkerassets.com original

Os pesquisadores sugerem que comentários hostis são projetados para encorajar mulheres a saírem do jogo. Uma forma de negging para tentar diminuir sua confiança. Tudo objetivando o mau desempenho destas, em consequência dos comentários.

Eles esperam que as experiências de homens vencidos por mulheres possam reduzir a hostilidade. Também, se o estudo alcançar publicidade suficiente, potenciais stalkers poderiam reduzir o bullying e ampliar seu talento.

Fonte: Laguiadelvaron

Receba mais em seu e-mail
Carregar mais
Topo