Estudo revela que “comentaristas” de sites tem problemas de relacionamento

teclacomentUma pesquisa realizada pelo BRIW - Behavioral Research Institute Web (Instituto de Pesquisa Comportamental da Web), revelou que 85% das pessoas que costumam comentar em postagens de sites ou blogs, tem algum tipo de problemas de relacionamento na vida real.

O estudo que entrevistou mais de 6 mil jovens de 18 à 35 anos, mostrou que essas pessoas buscam nos comentários dos blogs, algum tipo de relacionamento interpessoal com pessoas do sexo oposto. O mais interessante, é que a pesquisa revelou que esse tipo de busca de relacionamento não é somente um relacionamento amoroso, mas também um relacionamento de empatia, coisa que essas pessoas normalmente não tem na vida real.

A pesquisa foi ampla, e também buscou respostas para os comportamentos das pessoas que comentam coisas aleatórias. Um exemplo disso são as pessoas que tem o prazer de ser o primeiro a comentar em uma matéria, os chamados “Firsts”. Esse tipo de comportamento é comum em pessoas que necessitam mostrar que sempre quer ser o primeiro em qualquer coisa, sendo que isso não irá acrescentar em nada em sua vida pessoal, somente no seu ego.

Outro dado interessante revelado pela pesquisa, mostrou que as pessoas que normalmente são explosivas na internet, na vida real não tem nada disso. Dos entrevistados, 70% disseram que já arrumou algum tipo de briga ou já xingou alguém pela internet, sendo que desses 70%, somente 5% já arrumou confusão na vida real. Os responsáveis pela pesquisa indicaram que esse comportamento é comum na internet, pois essas pessoas fazem da internet uma válvula de escape para botar para fora toda a sua raiva que na vida real ela não tem coragem de fazer.

A pesquisa é complexa e revelou vários outros tipos de comportamentos na internet, para ler na integra, basta entrar no site do BRIW.

E você, o que acha disso? Comente abaixo! 

Receba mais em seu e-mail
Topo