Saiba como se sair bem em uma entrevista de emprego online [7 dicas]

Com a grande reviravolta que aconteceu com o mundo por conta do distanciamento social causado pelo coronavírus, muita coisa precisou ser adaptada. Ou, pelo menos, agilizada. Esse foi o caso de quem vai fazer uma entrevista de emprego online.

Afinal de contas, na maioria das vezes, esse bate-papo era físico, em um escritório ou sala, com psicólogas, pessoas dos Recursos Humanos da empresa e até mesmo diretores. Agora, a nova versão mais usada passou a ser online, ou seja, a distância.

Sendo assim, a Talenses Group fez uma pesquisa e constatou essa mudança com números. Ela descobriu que 35,2% das empresas estão fazendo todas as etapas de uma entrevista de emprego de forma online.

Em um primeiro momento, pode parecer um grande negócio para você, que poderá tentar impressionar seu novo patrão sem precisar sair de casa. No entanto, o desafio está exatamente em conseguir mostrar seu potencial por uma tela de computador ou celular.

Alguns cuidados especiais deverão ser tomados para conseguir se sair bem nesse momento. Abaixo, nós temos algumas dicas para ir bem na entrevista de emprego que sempre foram importantes e outras que são recentes, focadas nesse novo tipo de entrevista.

1 – Pesquise sobre a empresa

Normalmente, as pessoas que serão entrevistadas se informam sobre a empresa que pretendem trabalhar. Esse é praticamente um começo para ir bem na entrevista que todos usam – ou deveriam usar em qualquer entrevista.

Então, descubra sobre a área de atuação, o produto, a história. Agora, para esse novo momento que estamos vivendo, saiba que é crucial também descobrir como ela está lidando com a pandemia.

Por exemplo, descubra se os trabalhadores estão sendo demitidos, se estão com planos de cortes de gastos, reduzindo a carga horária, passando por outros desafios.

Engana-se quem acredita que todas as empresas estão com grandes dificuldades – algumas estão crescendo ainda mais. Saber essas informações pode lhe ajudar a elaborar um discurso para mostrar que poderá ser importante para esse crescimento cada vez mais contínuo.

2 – Saiba como se expressar

O recrutador, independentemente de quem seja, vai querer saber sobre você. Por isso, esteja pronto para mostrar os seus pontos positivos e aqueles que podem ser interessantes para o cargo que você vai ocupar.

Por exemplo, se prepare para responder sobre seus objetivos, ideais sobre a empresa e o que sabe fazer de melhor. Além do seu passatempo preferido, da sua formação e da experiência.

Além disso, se mostre atualizado sobre a pandemia e como está pensando a profissão a partir de agora e outras questões sobre o assunto. Um vendedor tem que falar muito bem. Mas, independentemente do seu futuro cargo, o mínimo que se espera é uma boa comunicação.

3 – Aprenda a usar a plataforma da entrevista

É fundamental saber usar a plataforma que a empresa escolher para conversar com você.

A princípio, pode estar bem confiante por dominar a plataforma, seja ela Facebook, Skype ou Hangouts. Porém, ainda assim, é importante testar a sua internet, o microfone, o som, a imagem e qualquer coisa que possa causar um ruído.

Você poderá perder uma grande oportunidade por desleixo ou falta de cuidado. Pode ser também que não conheça a plataforma que a empresa quer usar. Nesse caso, se torna “obrigatório” descobrir com antecedência qual é ela para se familiarizar.

4 – Avise as pessoas da sua casa

De modo muito comum, as pessoas que estão participando dos processos seletivos online não precisam sair de casa para fazerem a entrevista a distância. Exceto se tiverem problemas com a internet, falta de câmera, etc.

De qualquer modo, independentemente de onde está, saiba que é importante deixar todas as pessoas do local cientes do horário que for fazer vídeo chamada. Peça para que todos façam silêncio e não entrem no quarto, sala ou cômodo que esteja usando.

Se tiver animais, peça para que alguém tome conta e os impeça de atrapalhar sua entrevista também. Mesmo que eles sejam dóceis, o ideal é evitar correr riscos. Até mesmo porque existem muitos casos de pessoas que foram constrangidas por conta dos moradores da casa.

5 – Se vista de acordo com a situação

Não é porque está na sua casa que deve se apresentar desleixado. Procure se vestir de acordo com a roupa que o cargo que está buscando pede. Há empresas e setores menos formais, é verdade. Mas, isso não quer dizer estar sem camisa, com regata ou bonés, por exemplo.

Mesmo não estando em uma sala de reunião, lembre-se que você estará diante de pessoas avaliando desde a sua fala, comportamento e forma como se veste. Por isso, procure um ângulo e uma luminosidade para que possa ser visto sem problemas.

6 – Os cuidados com problemas técnicos

Durante a transmissão pode acontecer um delay, que é quando a pessoa parou de falar, só que o som ainda não chegou, ele demora um pouco mais. Nesse caso, preste atenção no que os recrutadores estão falando para ter certeza que acabaram de falar – antes de começar a responder.

Além do mais, informe sobre o problema antes. Mas, caso eles queiram continuar, então, você deverá ter esse cuidado. Porque se não tiver, saiba que poderá acabar “atropelando” a fala deles, o que pode ser visto até mesmo como falta de respeito ou educação.

7 – Foco total na entrevista

Chegando ao final, vamos lá com essas próximas dicas: tire o som do seu celular para não receber ligações ou mensagens inesperadas durante a entrevista e feche todos os outros sites que estiverem abertos, principalmente as redes sociais.

Você terá bastante tempo para aproveitar seus amigos e contar suas novidades mais tarde. Porém, no momento da entrevista, saiba que é importante ter concentração total.

Para mostrar todo sue interesse na vaga de emprego e no que os recrutadores estão lhe falando, mantenha sempre contato visual e se mostre atento a qualquer pergunta. Evite também ficar desviando o olhar para a porta, o teto, a TV, etc.

Bônus – saiba que problemas podem acontecer e ser solucionados

Mesmo depois de tomar todos os cuidados podem acontecer alguns problemas – sejam os técnicos, os pessoais ou quaisquer outros. Por exemplo, a tela pode travar, a internet pode lhe deixar na mão ou mesmo a plataforma estar ruim.

Neste momento, mantenha a calma e deixe claro que não é culpa sua aquilo que está acontecendo. Porém, não fique se justificando muito. Lembre-se sempre de procurar a solução e não focar no problema.

Sempre esteja pronto para reiniciar a plataforma ou usar outra e continuar a conversa. Inclusive, sugerir opções para contornar esse problema pode ser usado ao seu favor, pois sua proatividade e capacidade para superar uma situação adversa pode lhe dar alguns pontos.