Descubra quem tem direito Bolsa Família 2019

Desde a sua criação, o Bolsa Família se tornou crucial na vida de muitos brasileiros. Este benefício trouxe dignidade e acessão social para centenas de pessoas que viviam na pobreza.

Só que mesmo sendo muito importante, tem gente que tem direito ao Bolsa Família e não sabe disso. Ou, simplesmente, não sabe os valores e nem como o programa funciona.

Descubra quem tem direito Bolsa Família 2019

Abaixo, listamos todas essas informações em tópicos para que você descubra se tem ou não direito ao programa social mais conhecido do país.

O que é o Bolsa Família?

Antes de descobrir se você pode ser beneficiário do Bolsa Família 2019 é interessante entender primeiro como funciona o programa.

PROPAGANDA

O Bolsa Família foi inventado durante o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Seu objetivo é auxiliar famílias que vivem na pobreza ou extrema pobreza.

Com os anos, a ideia foi evoluindo e se tornou o maior programa de distribuição de renda brasileiro e alcançou da marca de aproximadamente 14 milhões de usuários.

Os beneficiários recebem mensalmente uma quantia específica, só que pra isso, devem se comprometer a realizar deveres na área da saúde e educação.

O valor é referente a quantia de moradores em cada grupo familiar, idade e salário declarado no Cadastro Único.

Quais são os valores do Bolsa Família?

Depois de entender um pouco sobre o programa, agora você deve saber que não existe um salário único para os beneficiários, cada caso é um caso e, por isso, vamos lhe explicar eles.

O programa é dividido por categorias, a primeira é o plano “básico”, que tem como público alvo brasileiros em situação de pobreza e extrema pobreza. O governo oferece a eles R$ 85 mensais.

Pensando nos mais jovens, foi criada a classe “Variável de 0 a 15 anos”. As crianças e pré-adolescentes dentro destas idades tem direito a retirar R$ 39 por mês – para cada menor cadastrado.

Para os jovens um pouco mais velhos, de 16 a 17 anos, o valor destinado é R$ 45, porém, tem uma circunstância especial: cada grupo familiar tem direito de cadastrar apenas 2 beneficiários.

As mães que estão amamentando e as gestantes também têm seus valores específicos. Lactantes ganham R$ 41, durante 6 meses. As grávidas recebem o mesmo, mas com a diferença de conseguir ganhar pelos 9 meses de gestação.

Quais são os requisitos?

Enfim, para ter direito ao programa e receber o Bolsa Família, a renda do interessado deve ser de R$ 85 a R$ 170 por morador na casa, desde que estes registrados sejam crianças, jovens até 17 anos e mães.

Além disso, algumas normas devem ser seguidas.

Os beneficiários de 6 e 15 anos tem que ter 85% de presença escolar. Já os jovens de 16 e 17 anos, 75%.

A obrigação dos filhos de 0 e 7 é ter o cartão de vacina em dia.

As mulheres que compreendam de 14 a 44 anos precisam ter acompanhamento médico.

Já as gestantes devem ter um acompanhamento durante toda a gravidez e participar de atividades oferecidas pelo Ministério da Saúde.

PROPAGANDA