Conheça o Curso de Manicure do Senac e saiba como fazer o seu cadastro

A profissão de manicure sempre existiu e vem se reinventando de acordo com o mercado. Atualmente, uma manicure não se preocupa somente com a beleza das unhas dos clientes, mas também com a saúde das mesmas.

Por isso, é essencial que a manicure seja uma profissional bem qualificada. Além de conquistar uma gama maior de clientes, oferecerá um serviço diferenciado. E tudo isso está no programa do curso de manicure do Senac – veja como fazer a inscrição!

Conheça o Curso de Manicure do Senac e saiba como fazer o seu cadastro

A manicure deve ter em mente que o mercado está cada vez mais competitivo. Mas, é importante que saiba também que vem crescendo cada ano mais e as projeções visam cada vez mais espaço para profissionais preparadas e com diferencial.

A atividade de manicure

Basicamente, essa profissional cuidará do embelezamento e da saúde das unhas dos clientes. Dessa forma, ela pode atender em salões de beleza, na casa dos clientes ou na própria casa.

Inclusive, dá para pensar em ser dona do próprio negócio, abrindo uma empresa nova e investindo cada vez mais nesse mercado, que só tende a crescer.

Para exercer o ofício, a manicure utiliza ferramentas como alicate, cortadores, lixas, esmaltes, fortalecedores, palitos e removedores. Deve realizar seu trabalho seguindo os critérios de higiene e estética recomendáveis também.

Geralmente, realiza as seguintes atividades: corte de unhas dos pés e das mãos, cuidados com a cutícula, lixamento e polimento, aplicação de bases e esmaltes e aplicação de unhas postiças, unhas em gel ou acrílico.

Mercado de trabalho e salário

De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC), o setor da beleza é um dos mais movimentados do mercado e obteve crescimento de 2,77% em 2018, no Brasil.

As opções se tornam ainda maiores se a profissional pensa em atender tanto o público feminino quanto o masculino. De acordo com dados da Euromonitor Internacional, o faturamento de cosméticos masculinos cresceu 30% nos últimos 5 anos.

Além disso, uma manicure profissional pode ganhar salários atrativos sem, necessariamente, ter que sair de casa para trabalhar. Os salários variam de R$ 954,00 a R$ 2.643,38.

Se a manicure escolhe trabalhar em salões de beleza, geralmente, elas são terceirizadas e não possuem vínculo CLT. Usando o próprio material, elas ficam com 80% do valor das unhas.

Há outras opções: trabalhar nas casas dos clientes ou na própria casa. Nestes casos, o valor é todo da profissional. E ele vai depender da quantidade do trabalho e do valor cobrado por ele.

O curso de manicure do Senac

Não há uma formação específica para quem queira ser uma manicure, bem como não há leis que regulamentam a profissão. A formação de muitas manicures acaba se dando pelo exercício da atividade.

Mas, para se destacar no mercado de trabalho, aumentar as ofertas de serviços e oferecer um trabalho de qualidade, é muito importante que a pretensa manicure realize cursos livres.

O Senac São Paulo oferece o curso Técnicas de Manicure e Pedicure. Em apenas 2 semanas, a profissional sai apta a cuidar da saúde das unhas e embelezá-las, pois aprende as melhores técnicas para isso.

Os únicos pré-requisitos do curso são: ter no mínimo 18 anos e ensino fundamental completo. Atendendo a essas exigências, as interessadas podem se inscrever gratuitamente pelo site http://www.sp.senac.br, escolhendo a unidade Senac mais próxima.