Como identificar se uma bebida é ou não falsa?

Por um acaso já lhe ocorreu de estar em um bar, e ao provar uma bebida que todos elogiam, ela simplesmente não te cair nada bem?

Ou então, você já comprou alguma garrafa de bebida que está acostumado a beber e ela não desceu como o de costume?

Se alguma dessas situações já te aconteceu, e você acreditou que o seu paladar era diferente dos demais. Acredite, você pode ter se enganado, e ter sido mais uma vítima do comércio ilegal de álcool falsificado.




O que é álcool falsificado?

Assim como em qualquer outra falcatrua para se conseguir ganhar dinheiro facilmente. Algumas pessoas produzem e comercializam o chamado álcool ilegal, ou falsificado.

Geralmente eles podem surgir em embalagens muito próximas ou até mesmo iguais as originais.

Mas o produto que está em seu interior, é de qualidade baixa e duvidosa.

Há quem produza o álcool ilegal em pequenas destilarias e há também quem adultere garrafas originais, adicionando outras substancias a mistura.




Quais são os danos que a bebida falsificada por nos causar?

As bebidas alcoólicas produzidas de forma legal, contem asseguradamente o álcool etílico em sua composição. Que é um álcool considerado seguro para se consumir com moderação.

Já em bebidas falsificadas, qualquer tipo de substancia química pode ser encontrada. E para custear a produção, visto que o objetivo é ter uma grande margem de lucro.

Elas tendem a conter produtos químicos que geralmente são usados em produtos de limpeza, removedores de esmaltes e até mesmo produtos usados para a lavagem de automóveis.

O risco maior, é que esses químicos alternativos ao álcool etílico, até podem causar em quem os consomem os efeitos gerados pelo álcool, como a sensação de embriaguez. Mas em contra partida, eles também podem ocasionar uma série de problemas a nossa saúde.

No geral, eles causam vômitos, dores abdominais, tonturas e sonolência. Sendo que em alguns casos específicos podem resultar em sequelas mais graves.

Como é o caso do metanol, que geralmente é usado para a fabricação de vodcas falsificadas e que pode causar cegueira permanente em quem o consume.




Como identificar se uma bebida é falsa?

A falsificação até pode ser muito bem-feita, mas existem alguns truques para se garantir a originalidade do produto:




1 - Desconfie de preços muito baixos

Não há quem resista a uma boa promoção. Mas é preciso se atentar a descontos exorbitantes.

Quando estamos falando de bebidas raras por exemplo, e consequentemente caras o cuidado deve ser redobrado.

Confira o preço de mercado daquele produto, e se ele estiver muito mais em conta. Desconfie!




2 - Selecione o local em que compra suas bebidas

Grandes lojas, ou e-commerce consolidados não arriscarão o seu nome em marca com a distribuição de bebidas ilegais.

Por isso procure fazer as suas compras, em lugares já conhecidos. Evite portanto, a compra de bebidas alcoólicas de terceiros, ou estabelecimentos pequenos e duvidosos.




3 - Confira o lacre

Aqui no Brasil, as bebidas alcoólicas precisam necessariamente ter o selo do IPI, que é o “Imposto sobre Produto Industrializado”.

Se a garrafa em questão não possuir esse selo em específico significa que ela não foi fiscalizada por autoridades brasileiras, e consequentemente só pode ser ou uma bebida falsificada ou uma bebida contrabandeada.

Certifique-se também, que o lacre da própria bebida, que é colocado na boca da garrafa não está violado. Caso contrário, essa bebida pode ter sido adulterada.




4 - Sinta o cheiro

Por mais que você não seja um expert ou um mestre sommelier acredite no seu ofato. Bebidas falsificadas tendem a carregar um cheiro muito forte e desagradável de álcool.




5 - Truque para as garrafas de Whisky

Uma das bebidas mais falsificadas em todo o mundo, são os famoso Whisky. Uma vez que o seu preço de mercado é consideravelmente mais elevado se comparado a outras bebidas mais tradicionais.

Um truque simples para saber se um Whisky é falsificado é deixar a garrafa descansar e em seguida bater no seu frasco com uma caneta.

Em seguida você deve balança-la diversas vezes, e bater mais uma vez com a caneta sobre ela. Se os sons emitidos pelas batidas forem diferentes, o Whisky é original. E essa diferença no som, é um sinal de que o malte se misturou ao produto.

Mas e então querido leitor, já aconteceu com você, de ser enganado por uma bebida falsificada? Conta como foi a sua experiência aqui embaixo pelos comentários!

Receba mais em seu e-mail
Topo
<-- /home/minilua/public_html/wp-content/cache/static/https/minilua.com/como-identificar-se-uma-bebida-e-ou-nao-falsa/index.html //-->