Início Curiosidades

Como balões aéreos impediram a Alemanha de comer salsichas

Preparando-se para a primeira campanha aérea contra o país da Inglaterra, os militares alemães levaram sua nova invenção da aviação: o Zeppelin.

O próprio Winston Churchill zombou desses dirigíveis, observando que eles eram apenas sacos de gás inflamável, mas quando reinavam bombas, os cidadãos britânicos aprenderam a temer o Zeppelin.


Enquanto isso, na Alemanha, no entanto, os cidadãos sentiam que estavam fazendo seu próprio sacrifício.

Para fabricar as bexigas de retenção de gás usadas nos dirigíveis, eram necessárias enormes quantidades de intestino de vaca.

Para garantir que pudessem atender à demanda da guerra, a Alemanha e os países que ela ocupava foram forçados a interromper toda a produção de embutidos.

Quase um quarto de milhão de vacas foram para cada Zeppelin, limitando severamente a produção de bratwurst em tempo de guerra.

A polícia militar foi enviada para açougues, exigindo o intestino de todas as vacas na Áustria, Polônia, norte da França e Pátria.

A superioridade do Zeppelin durou até perto do fim da guerra, finalmente permitindo que os alemães jantassem salsicha novamente.

Traduzido e adaptado por equipe Minilua
Fonte: Ripleys