Com problemas? Vá caminhar

Quando alguém te liga com algum grande problema, você fica falando ao telefone e caminhando de um lado para o outro? Quando está voltando da escola ou trabalho, durante a caminhada, tem grandes ideias e discussões mentais? Saiba que isso não é por acaso:




Melhorando a mente

photo

Dr. Oppezzo, professor da Universidade de Santa Clara, na Califórnia, criou uma série de experimentos e acabou descobrindo que nós somos até duas vezes mais criativos quando estamos caminhando, se compararmos com nós mesmos sentados.

Publicado pelo Journal of Experimental Psychology, esse estudo mostrou que caminhar ao ar livre pode ser uma grande ajuda para nosso cérebro na hora de resolver problemas, principalmente aqueles que envolvem criatividade.

Os testes feitos pelo pesquisador mostraram que as pessoas caminhando na rua tinham, em média, o dobro de ideias das que passavam pelo mesmo teste, mas estavam sentadas em salas fechadas. Porém, o mais interessante de tudo é que mesmo as pessoas que caminhavam em lugares fechados eram mais criativas do que as que estavam sentadas, ou seja, caminhar, não importa onde, é um bom negócio para a cabeça.

Contudo caminhar também traz alguns problemas. Em exercícios de perguntas e respostas, onde apenas uma opção estava correta, os acertos foram maiores para quem estava sentado.

Essa pesquisa, apesar de dar um luz, não conseguiu responder porque isso acontece. Dessa maneira novos estudos serão feitos para determinar o motivo desse estranho comportamento do cérebro e quais são suas origens evolutivas.

Então, se você está precisando de um pouco de criatividade, melhor sair por aí, mas na hora de responder aquele teste de matemática, melhor mesmo é ficar com as nádegas na cadeira.

Reaja! Comente!
    Topo