CNH Social – veja como tirar a carteira de habilitação gratuita

Você já levou em conta a possibilidade de tirar a carteira de habilitação de maneira totalmente gratuita, isto é, sem qualquer custo? Sim, isso é possível e acontece através da CNH Social, um programa criado em 2011 que beneficiou milhares de pessoas.

E o lado bom é que o processo para se inscrever na CNH Social é bastante simples, sendo que você só precisa saber se o seu estado participa do programa social e se você tem direito à tirar a carteira de habilitação gratuita.

CNH Social – veja como tirar a carteira de habilitação gratuita

Se você também é uma das pessoas que não tem condições financeiras de tirar a carteira de habilitação e arcar com todos os custos que esse processo envolve, descubra como fazer a inscrição na CNH Social para concorrer a uma das vagas.

CNH Social – o que é

O programa CNH Social foi criado em 2011 com uma parceria que envolve o governo federal e também o SEST/SENAT. O foco são as pessoas de baixa renda que não tem condições reais de tirar a carteira de habilitação.

A justificativa está no fato de que o processo de tirar a carteira de motorista tem um custo elevado, sendo que os valores se alteram e vão desde as aulas práticas até o exame final, ao passo que tudo é intermediado por uma autoescola.

A partir disso, o programa passou a disponibilizar vagas gratuitas para que os jovens e também os adultos pudessem ter uma chance de tirar a carteira nacional de habilitação social – tudo através da CNH Gratuita.

Dessa forma, os interessados em fazer a inscrição no CNH Social devem considerar a possibilidade de praticar os seguintes procedimentos: tirar a carteira de motorista, realizar a renovação dela, mudar de categoria e até mesmo atribuir uma nova categoria.

CNH Social – cadastro

O 1º passo para fazer o cadastro na CNH Social é saber se o seu estado é participante do programa: Pernambuco, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraíba, Rio Grande do Sul, Maranhão e São Paulo.

Depois, considere que cada estado tem sua própria forma de inscrever os candidatos, sendo que eles sempre optam pela forma online. Portanto, o mais aconselhável é acessar as plataformas digitais do SEST/SENAT e do Detran do seu estado.

Nessas páginas é possível fazer a inscrição no CNH Social inserindo dados como o número da carteira de identidade, o comprovante de endereço, o comprovante de renda, entre outras informações pessoais que são solicitadas.

CNH Social – requisitos

Apesar de tantos benefícios, quem for se inscrever na CNH Gratuita deve se orientar a partir dos requisitos obrigatórios para a participação no processo seletivo. Sendo que existem algumas categorias nas quais é possível a participação.

O candidato precisa ter renda bruta mensal de até 2 salários mínimos, por exemplo. Ou existem outras opções para se inscrever no CNH Social, como estar desempregado há mais de 1 ano, ser beneficiário do Bolsa Família, ser portador de necessidades especiais, etc.

Na hora que o programa faz o processo seletivo, se houver empate, os critérios usados para liberar a inscrição no CNH Social são: maior tempo de desemprego, maior número de dependentes, menor renda familiar, maior idade.

E, por fim, considere que para participar e fazer o cadastro na CNH Social será totalmente necessário não ter cometido infrações de trânsito, ser de baixa renda e a inscrição do CNH Social devem ser feito a partir do processo na internet.

Da redação