Ciência descobre como ser invencível no “Pedra, Papel e Tesoura”

A ciência é muita boa em descobrir como as coisas funcionam e porque elas funcionam daquele jeito. Essa grande capacidade de observação e dedução permitiu que alguns cientistas descobrissem como tornar alguém praticamente invencível no famoso “Pedra, Papel e Tesoura”, também conhecido como Jokenpô:




A arte do jogo

jokemponovasregras

O jokenpô é um jogo circular, onde três opções são dadas aos jogadores, cada uma delas vence outra e perde para alguma. O empate só ocorre quando os dois duelistas usam o mesmo item. A pedra vence a tesoura, mas perde para o papel. O papel vence a pedra, mas perde para a tesoura. A tesoura vence do papel, mas perde para pedra.

Aparentemente, o “Pedra, Papel e Tesoura” é um jogo de sorte, onde a escolha do participante é a única determinante no resultado, mas um estudo científico mostrou que a sorte não é o principal componente do jogo.

Os pesquisadores do Experimental Social Science Laboratory, da Zhejiang University chamaram 360 voluntários para o teste. Os participantes foram divididos em grupos aleatórios de 60 pessoas e cada um disputou 300 partidas. Para evitar que os jogadores desanimassem no meio do jogo, eles ganhavam um pouco de dinheiro por cada vitória.

43757171

Observando todas as milhares de partidas catalogadas, os pesquisadores descobriram os segredos do jokenpô.

Quando um jogador ganha a partida, ele tende a usar a mesma escolha feita na jogada seguinte. E quando alguém perde duas partidas seguidas, na terceira, a pessoa usa o item que teria ganho a última partida que perdeu.

Vamos imaginar que dois jogadores estão em uma partida. O jogador chamado Bozo ganha usando a tesoura. Muito provavelmente ele irá usar a mesma arma. O adversário, para maximizar suas chances, deve usar a pedra na próxima rodada.

Caso o Bozo tivesse perdido duas rodadas, sendo a última para uma pedra, ele muito provavelmente vai usar o papel na seguinte, dessa maneira o seu oponente precisa computar as duas derrotas do adversário e usar a tesoura para vencer.

Claro que esse padrão não ocorre em 100% das vezes, longe disso. Mas quando muitas partidas são jogadas, a probabilidade de vitória de quem segue essas regras cresce muito, porque por mais imprevisível que o jogo possa ser, uma pessoa nem sempre é.

Receba mais em seu e-mail
Topo