Chrissy Teigen critica rapaz cruel que zombou do anúncio de aborto espontâneo de Meghan Markle

ANÚNCIO

Chrissy Teigen respondeu aos guerreiros do teclado que criticaram o anúncio de aborto espontâneo de Meghan Markle.

A modelo americana, de 34 anos, saltou em defesa do ensaio emocional de Meghan apenas um mês depois de sofrer a perda devastadora de seu filho bebê, Jack.

ANÚNCIO

Escrevendo para o New York Times, a Duquesa de Sussex, 39, explicou que abortou em julho, dizendo que sabia que “enquanto agarrava meu primeiro filho, estava perdendo o segundo”.

Chrissy ficou irritada com comentário de usuário

Em um artigo intitulado The Losses We Share, Meghan descreveu deitada em uma cama de hospital, segurando a mão do marido, Príncipe Harry, enquanto os dois choravam.

Depois de ler o artigo incrivelmente comovente, um usuário cruel do Twitter correu para criticar Meghan por compartilhar sua história.

ANÚNCIO

O usuário da mídia social escreveu: “Alguém está realmente questionando a dor de sofrer um aborto espontâneo ou talvez esteja criticando a decisão de Meghan de escrever um artigo de opinião de 1.000 palavras sobre ela mesma?”

Ao ver o tweet insensível, Chrissy criticou furiosamente para o usuário do Twitter.

Chrissy Teigen critica rapaz cruel que zombou do anúncio de aborto espontâneo de Meghan Markle
Foto: (reprodução/internet)

“O prêmio pelo pedaço absoluto de merda de hoje vai para [nome do usuário]. Parabéns, pedaço de merda, ”ela fumegou.

Mais tarde, ela deletou o tweet e se desculpou porque está fazendo um esforço consciente para ser ‘legal’.

“Desculpe, esqueci que estou tentando ser mais legal.”, a estrela desafiadora compartilhou.

Duquesa também foi elogiada por compartilhar sua dor

Apesar do punhado de comentários negativos que cercaram o artigo comovente de Meghan, ela foi elogiada por usar sua plataforma para falar sobre o que ainda é considerado um assunto tabu.

A Duquesa também falou sobre as perdas que muitas outras pessoas sofreram este ano, em meio à pandemia do coronavírus.

Ela disse que sofreu enquanto estava isolada e confinada e falou sobre a perda de um filho como uma ‘dor quase insuportável’ que muitos experimentam, mas sobre a qual não falam.

Meghan e Harry deram as boas-vindas ao seu primeiro bebê, Archie Mountbatten-Windsor, em maio de 2019.

Chrissy Teigen critica rapaz cruel que zombou do anúncio de aborto espontâneo de Meghan Markle
Foto: (reprodução/internet)

Recentemente, eles haviam compartilhado abertamente suas esperanças de ter dois filhos para completar sua família.

Harry disse à ativista e especialista em chimpanzés Jane Goodall em 2019 que ele só teria dois filhos pelo bem do planeta.

Quando o Dr. Goodall disse: “Não muitos”, o Duque respondeu: “Dois, no máximo.”

Traduzido e adaptado por equipe Minilua

Fonte: Mirror

ANÚNCIO