Brechó como uma fonte de renda extra para 2020

ANÚNCIO

Não está fácil pra ninguém, e o brechó tem sido uma ótima alternativa para muitos brasileiros pagarem suas contas, afinal, o emprego vindo ou não, o pensamento das empresas é “você que lute” e as contas continuam vindo.

Na dificuldade de encontrar uma vaga de trabalho, ou buscando uma renda extra, muitos brasileiros estão inovando, e o brasileiro realmente precisa ser estudado, são tantas idéias incríveis e criativas que surgem, o que não pode é ficar parado.

Embora a ideia de ter um brechó não seja tão nova, muitas inovações estão sendo feitas, no sentido de novas formas de divulgação, de vendas, etc. Não só o brechó, mas diversas áreas “clássicas” estão sofrendo inovações de diversas formas.

Brechó
Fonte (Reprodução/internet)

Está pensando em abrir o seu próprio brechó mas está se sentindo meio confuso? Vamos ver alguns passos importantes para abrir seu próprio negócio.

Primeiramente, elimine a falta de planejamento

Antes de começar a vender as blusinhas, você precisa ter um planejamento básico, como, por exemplo, qual será seu público alvo? Quem você quer que compre as roupas no seu brechó? Se você quer atender pessoas mais alternativas, não faria sentido vender um blazer, concorda?

ANÚNCIO

Sabendo quem você quer atender, você vai conseguir planejar melhor a sua divulgação, quem sabe, algumas parcerias para divulgar no instagram.

Outro ponto muito importante que você precisa ter planejado para colocar o preço nos seus produtos, é o seu custo.

Pode ser que você precise ir buscar uma roupa, o que gastaria de gasolina? Se tiver uma loja física, tem a água, a conta de luz etc. Por isso, tenha muito bem mapeados os seus gastos.

Começando o Brechó!

Não adianta nada ficar planejando e não agir nunca, certo? Depois de planejar, é hora de começar a agir! E, para começar as vendas algo que não pode faltar é… ROUPAS, seu produto.

Algumas dicas que você pode usar para conseguir mais peças de roupa é dar uma pesquisada em outros brechós. Você pode pesquisar no instagram, provavelmente terá o perfil de alguma loja próxima, ou que faça entregas.

Pode perguntar para amigas(os) se não têm roupas que estão jogadas no guarda-roupas que elas ou eles possam te dar, ou, vender com um preço mais em conta.

Outra opção que você pode escolher também, é uma consignação, isso é, alguém deixa uma peça de roupa com você, depois que você vender essa peça para ela, recebe um percentual sobre a venda. 

Outra coisa importante a se fazer, é criar uma conta nas redes sociais, especialmente o instagram, e alimente essa rede social constantemente, poste no feed e no store.

Algo que você pode fazer, é separar um dia por semana para tirar diversas fotos, e ir postando aos poucos ao longo da semana.

Mantendo o negócio aberto

Depois que começar, para manter o negócio aberto é importante sempre estar atento ao que está acontecendo no seu negócio, esteja constantemente checando se tudo está indo conforme o planejado.

Cuidado para não deixar seu estoque acabar, para evitar que isso aconteça, pode ter uma estratégia similar à dos sebos de livros, além de vender, comprar roupas usadas para poder revender depois.

Alimente seu perfil da rede social constantemente e esteja antenado às inovações, por exemplo, para realizar entregas rápidas, você pode solicitar um Loggi.

Fique ciente dos seus custos para manter o negócio aberto e procure trazer inovações e promoções que chamem a atenção de seus clientes, o que é mais um motivo para ter bem definido o público alvo.

Usando uma frase de Nelson Mandela “ Se você falar com um homem numa linguagem que ele compreenda, isso entra na cabeça dele. Se você falar com ele em sua própria linguagem, você atingirá seu coração”.

Resumindo, quer abrir um negócio? Planeje, estipule metas, faça o que foi planejado, monitore constantemente se está de acordo com o planejado e, caso seja necessário, tenha uma ação corrigindo o desvio.

ANÚNCIO