“Avião fantasma” aterroriza autoridades no Canadá

Viajar de avião é um dos meios de transporte mais seguros que existem e, mesmo que muitos pensem que é perigoso, ele não o é tanto quanto se imagina.

O problema é que, quando algum avião cai, logo boa parte da mídia já noticia o fato e uma das primeiras coisas a serem divulgadas é o número de mortos e de sobreviventes, isso se houver algum. O pior é que é muito raro alguém sobreviver a uma queda de mil pés de altura.

Agora, imagine o que acontece quando um avião cai e nenhum piloto é encontrado…

O tal “avião fantasma” caiu na última quarta-feira, dia 15, a 60 km da cidade de Marathon, Ontário, tratava-se de um monomotor - Cessana 172 - que despencou na neve e acabou deixando nenhum sobrevivente - e nenhum morto também!

"Avião fantasma" aterroriza autoridades no Canadá

Quando os peritos chegaram ao local do acidente, a aeronave estava completamente vazia, não haviam pegadas, rastros ou qualquer sinal de alguém que pudesse estar pilotando aquele avião… será que não havia ninguém lá dentro?

Aqui vai o aval dos peritos: o monomotor foi alugado por um aluno da Universidade de Michigan, EUA, partindo da cidade de Ann Arbor com destino à Harbor Springs, ambas do estado norte-americano de Michigan, em algum momento - que não se sabe o qual - ele foi parar no Canadá.

Quando caiu, o piloto automático estava acionado e acabou ficando sem combustível; o aluno da Universidade ainda está desaparecido e não se sabe se ele era realmente o piloto.

"Avião fantasma" aterroriza autoridades no Canadá

Acontece que a cidade de Marathon fica bem depois de um grande lago… será que o piloto decidiu das um mergulho das alturas nas águas geladas do lago? Ninguém sabe ainda… Será que o caso do “Avião Fantasma”será solucionado?




O que você acha que realmente aconteceu?

Me adicione no Facebook: Nandy Martins

E curta a nossa página clicando aqui!

Receba mais em seu e-mail
Topo