Início Bizarro

Conheça uma alternativa bizarra para quem quer emagrecer

Perder peso é o objetivo central de muita gente durante um ano, porém, sabemos que a missão de eliminar uns quilinhos do corpo não é nada fácil. Resistir aos lanches com amigos, além de ter que se alimentar da maneira correta e praticar exercícios físicos, acaba sendo um verdadeiro tormento na vida de muita gente. No caminho, encontramos sérias dificuldades para seguir tudo isso.

Pensando nessas pessoas, um grupo de cientistas desenvolveu uma alternativa bizarra para emagrecimento. O dispositivo é colocado na boca e promete ajudar as pessoas a perderem peso de maneira rápida, apresentando resultados quase que imediatos. A invenção vem recebendo muitas críticas na internet, e se você quer saber do que se trata, confira o nosso artigo sobre.

Foto: (reprodução/internet)

Aparelho não deixa os usuários abrirem a boca

O aparelho tem como premissa impedir que seus portadores consigam abrir a boca para ingerir alimentos sólidos, o que facilitaria o emagrecimento dessa maneira. No entanto, é possível ingerir líquidos, falar e respirar normalmente, através do espaço de 2 milímetros, máximo que o objeto lhe permite abrir a boca.

Foto: (reprodução/internet)

Chamado de DentalSlim, a novidade funciona através de dois ímãs potentes, capazes de impossibilitar o usuário de abrir a boca. Isso, mesmo que o portador não queira, o força a ingerir apenas alimentos líquidos, o que facilitaria no emagrecimento. Apesar disso, é possível destravar o aparelho.

Porém, só é indicado que se faça isso quando o paciente estiver passando mal, tendo uma crise de pânico ou sentindo vontade de vomitar, por exemplo. O método não foi bem visto por internautas de todo o mundo, contudo, os cientistas defendem a invenção por conta dos resultados obtidos.

Experimento fez pacientes perderem peso rapidamente

Apesar do método controverso, os cientistas apresentaram dados que mostram que o aparelho desenvolvido por eles dá resultado. De acordo com as informações apresentadas, sete pessoas participaram do experimento, durante duas semanas, e apresentaram grande perda de peso nesse período.

Seguindo a dieta estabelecida por eles, os pacientes registraram, em média, uma perda de peso de cerca de 6,36 quilos, em apenas 2 semanas. Esse número é bastante expressivo, o que faz com que os cientistas fiquem confiantes de que sua invenção irá vingar no mercado, porém, as críticas não são poucas.

Aparelho é duramente criticado nas redes sociais

A novidade não foi muito bem vista pelos internautas, que criticaram duramente o aparelho que promete lutar contra a obesidade. Chamado de “desumanizador”, além de “repulsivo” e vários outros adjetivos negativos, o DentalSlim não parece ser objeto de desejo de quem navega pela internet.

Foto: (reprodução/internet)

Muitos internautas apontaram as semelhanças entre o aparelho e antigos instrumentos de tortura, dizendo que o uso do aparelho seria desnecessário para o emagrecimento, e de que aquilo seria uma forma de torturar pessoas que estão acima do peso, forçando-as a se enquadrarem nos padrões estabelecidos.

Apesar disso, quem usou o aparelho no experimento, garante que não é tão desconfortável, e que apenas nos primeiros dias é sentido algum desconforto, depois disso, é “tolerável”. No entanto, nem mesmo o depoimento de pessoas que passaram por isso abrandou a opinião dos internautas.

Aparelho fica frouxo rapidamente

O aparelho é potente e garante que seus usuários não consigam abrir mais do que alguns milímetros, porém, isso não dura muito tempo. O DentalSlim só continua firme, no máximo, com até 3 semanas de uso, depois disso, para de funcionar da maneira como deveria.

No entanto, sua colocação pode ser feita quantas vezes o cliente quiser, apesar de ser necessário que um dentista realize o procedimento. É de fácil colocação, porém, tenha ciência de que será necessário ir ao dentista, no mínimo, 2 vezes ao mês por conta disso.

Cientistas desenvolvedores defendem o dispositivo

Os cientistas que desenvolveram o aparelho defenderam o objeto na internet, comparando-o a outras opções de emagrecimento para o caso de pessoas obesas. De acordo com eles, usar o dispositivo é muito menos invasivo do que realizar um procedimento cirúrgico para a perda de peso, por exemplo.

Foto: (reprodução/internet)

Além disso, seria muito mais econômico, na palavra dele, do que outras opções disponíveis no mercado. A facilidade em retirar o aparelho quando quiser, também foi um dos pontos destacados por um dos desenvolvedores, que garante que o DentalSlim é uma das melhores formas de emagrecer atualmente.

Porém, o ponto que mais se destaca em sua defesa é a de que não existe adversidade ao adotar o tratamento, ponto que foi bastante criticado na internet, já que, de acordo com internautas, o uso de um aparelho do tipo pode acabar causando traumas em seus usuários.

Equipe de cientistas citam a “epidemia global de obesidade”

De acordo com a equipe de desenvolvedores do dispositivo, o DentalSlim ajudaria o mundo inteiro no combate à pandemia de obesidade. Apesar de muita gente não enxergar isso, o planeta está cada vez mais obeso, e isso é bastante preocupante para os órgãos de saúde de todo o mundo.

Apesar de muitas pessoas acima do peso serem de fato saudáveis, uma boa parcela delas acaba tendo seu estilo de vida diretamente afetado por conta da obesidade, que desencadeia um número gigante de doenças no corpo humano. É uma questão que não pode ser ignorada, e que precisa de maior atenção da parte dos órgãos governamentais.

Obesidade é um problema sério no Brasil

Infelizmente, a questão da “pandemia da obesidade”, citada pelos cientistas, se tornou realidade no Brasil. De acordo com dados recentes, divulgados pelo SBEM, existem, hoje, cerca de 18 milhões de pessoas no Brasil. Esse número se torna ainda mais assustador quando analisamos as pessoas que estão acima do peso.

Foto: (reprodução/internet)

De acordo com a mesma pesquisa, temos mais de 70 milhões de pessoas acima do peso no Brasil, e a tendência é que essa situação piore ainda mais. Para se ter uma ideia, 2 milhões de pessoas se tornam obesos a cada ano no Brasil, número extremamente alto para qualquer país no mundo.

Um dos grandes culpados pelo acontecido são as redes de fast food, que, cada vez mais, vem fazendo parte do cardápio diário de diversas pessoas. Lanches gordurosos, e com preços acessíveis, acabam fazendo com que o consumidor opte por eles, e, consequentemente, desenvolva obesidade em um futuro próximo.

Outros países do mundo lidam com quadro pior

Além do Brasil, outros países do mundo também têm que lidar com uma situação tão ruim ou pior do que a nossa. É o caso dos Estados Unidos, a grande casa das redes de fast food. A grande presença de lanchonetes do tipo, no país mais rico do mundo, afetou diretamente a saúde da população.

Foto: (reprodução/internet)

Segundo pesquisa recente, divulgada pela Trust for Health, 40% dos adultos estadounidenses são obesos, com o número caindo pela metade quando falamos da situação das crianças. O número é extremamente alto e, assim como no Brasil, não tem previsão de melhora para os próximos anos.

De acordo com uma pesquisa divulgada pela Escola de Saúde Pública, é esperado que 50% dos norte-americanos seja obeso até o ano de 2030. Apesar de terem uma economia sólida, o país estadunidense vai ter que gastar recursos para cuidar da saúde de seu povo, caso contrário, outros problemas de saúde podem se tornar frequentes na população.

Existe forma de emagrecer de maneira saudável

O emagrecimento não precisa ser tão doloroso e com a ajuda de aparelhos, como os cientistas que desenvolveram o DentalSlim sugerem. É possível emagrecer ao adotar hábitos simples durante o dia a dia, porém, esse método não é tão imediato quanto outras alternativas.

Foto: (reprodução/internet)

Porém, continua sendo a melhor opção e a mais indicada entre profissionais da área. A prática de exercícios físicos, aliados com uma dieta verdadeiramente saudável, são a melhor maneira de conseguir perder peso e manter a saúde em dia, sem o uso de qualquer tipo de aparelho na boca.

Algumas dicas podem te ajudar a perder peso de maneira rápida, porém, como já dissemos, os resultados não vêm de maneira imediata. Portanto, é necessário ter disciplina e seguir uma dieta própria para você. Confira algumas das dicas:

  • Beba a quantidade correta de água por dia (cerca de 2 litros);
  • Faça uma reeducação alimentar, eliminando comidas muito gordurosas do cardápio;
  • preferência para pratos mais coloridos, que contam com mais vegetais em sua composição;
  • Evite, sempre que puder, a ingestão de açúcar refinado;
  • Dê preferência à ingestão de alimentos integrais;
  • Sempre tente inovar em seu cardápio, pois assim, será mais difícil criar desgosto pela dieta.

Se estiver querendo emagrecer, procure por um nutricionista

Caso esteja querendo emagrecer, a melhor alternativa disponível é procurar a ajuda de um nutricionista, e não adotar o uso de um dispositivo que te impede de abrir a boca. Apesar de ser uma opção que trouxe resultados, ingerir alimentos integrais, e praticar exercícios, continua sendo a opção mais saudável.

References

pesquisa recente

divulgados pelo SBEMEntenda a epidemia de obesidade no Brasil – Blog IPEMED

pesquisa divulgada pela Escola de Saúde PúblicaEstudo aponta que obesidade atingirá 50% dos americanos em 2030 • Summit Saúde