Afinal, sal é bom ou ruim para a saúde?

ANÚNCIO

ANÚNCIO

As organizações de saúde nos alertam sobre os perigos do sal há muito tempo. Isso é porque a alta ingestão de sal tem sido acusada de causar uma série de problemas de saúde, incluindo pressão alta e doenças cardíacas. No entanto, décadas de pesquisa falharam em fornecer evidências convincentes para apoiar isso. Além do mais, muitos estudos realmente mostram que comer muito pouco sal pode ser prejudicial.

O sal também é chamado cloreto de sódio (NaCl). Consiste em 40% de sódio e 60% de cloreto, em peso. O sal é, de longe, a maior fonte alimentar de sódio, e as palavras “sal” e “sódio” são frequentemente usadas de forma intercambiável. Algumas variedades de sal podem conter traços de cálcio, potássio, ferro e zinco. O iodo é frequentemente adicionado ao sal de mesa. Os minerais essenciais no sal atuam como importantes eletrólitos no corpo. Eles ajudam no equilíbrio de fluidos, na transmissão nervosa e na função muscular.

Afinal, sal é bom ou ruim para a saúde?

Alguma quantidade de sal é encontrada naturalmente na maioria dos alimentos. Também é frequentemente adicionado aos alimentos para melhorar o sabor. Historicamente, o sal era usado para preservar alimentos. Quantidades elevadas podem impedir o crescimento das bactérias que causam a deterioração dos alimentos. O sal é colhido de duas formas principais: a partir de minas de sal e evaporando a água do mar ou outra água rica em minerais.

Na verdade, existem muitos tipos de sal disponíveis. Variedades comuns incluem sal de mesa simples, sal rosa do Himalaia e sal marinho. Os diferentes tipos de sal podem variar em sabor, textura e cor. Caso você esteja se perguntando qual tipo é o mais saudável, a verdade é que eles são todos bastante semelhantes.  Autoridades de saúde têm falado por décadas que devemos cortar o sódio.

Eles dizem que você deve consumir não mais do que 2.300 mg de sódio por dia, de preferência menos. Isso equivale a cerca de uma colher de chá, ou 6 gramas de sal. No entanto, cerca de 90% dos adultos dos EUA por exemplo consomem muito mais do que isso. Comer muito sal pode aumentar a pressão arterial, aumentando assim o risco de doença cardíaca e derrame. No entanto, existem algumas dúvidas sérias sobre os verdadeiros benefícios da restrição de sódio.

Afinal, sal é bom ou ruim para a saúde?

É verdade que a redução da ingestão de sal pode reduzir a pressão arterial, especialmente em pessoas com uma condição médica chamada hipertensão sensível ao sal. Mas, para indivíduos saudáveis, a redução média é muito sutil. Um estudo de 2013 descobriu que, para indivíduos com pressão arterial normal, restringir a ingestão de sal reduziu a pressão arterial sistólica em apenas 2,42 mmHg e a pressão arterial diastólica em apenas 1,00 mmHg.

Clique em “Próximo” para ler o restante do conteúdo da postagem.