Veja como adiar dívidas sem multas nos bancos

ANÚNCIO

As crises sempre assustam. Mas, com elas algumas mudanças acabam acontecendo também. Algumas delas, inclusive, pode beneficiar os consumidores. Sendo assim, saiba que hoje dá para adiar dívidas sem multas nos bancos. Não sabe da novidade? Conheça.

Contudo, tente não se desesperar ao tentar fazer isso. Mas, de fato, considere que o Banco do Brasil, a Caixa, o Itaú Unibanco, o Bradesco e o Santander prometem prorrogar o pagamento de dívidas sem a cobrança multas para os seus clientes.

Isso só está sendo possível porque o Banco Central liberou R$ 56 bilhões para que essas instituições financeiras tenham uma espécie de reserva financeira e permitam ao consumidor algumas vantagens.

Sendo assim, foi possível estender linhas de crédito sem que os bancos tenham mais gastos. O resultado é que aqueles consumidores com problemas para executar os pagamentos por falta de acesso aos bancos, por exemplo, podem também se beneficiar com a medida.

O atendimento acontece de forma virtual

Todos esses atendimentos, que estão sendo feitos pelos bancos, estão acontece de forma virtual. Isso vale para qualquer banco. Além do mais, a comunicação pode ser feita por meio de computador, notebook, celular ou tablete – sendo pelo site ou aplicativos.

ANÚNCIO

As informações estão sendo passadas aos clientes por meio de SMS, e-mail ou também pelos aplicativos, que podem ser baixados gratuitamente. Por isso, é importante ficar de olho em todas as recomendações importantes para cumprir essas condições de adiamento de juros.

Algumas empresas ainda estão abrindo as suas portas com horários diferenciados e com limitações de pessoas e atendimentos. Por isso, o melhor caminho é ficar em casa e fazer seu pedido online mesmo, pela internet a fim de preservar sua saúde e do próximo.

As opções de cada banco

Cada instituição vai tomar as suas ações de formas diferenciadas para quem quiser adiar dívidas sem multas nos bancos. Por isso, você deve saber quais são as condições para poder solicitar o seu pedido corretamente.

1 – Caixa

A Caixa Econômica Federal está oferecendo para as pessoas físicas a opção de congelar a remuneração do crédito pessoal por no máximo 60 dias.

A pessoa física ainda terá outro benefício, que é estendido também para empresas. Assim sendo, você poderá delongar até 2 prestações de financiamento imobiliário sem precisar sair de casa, apenas utilizando o aplicativo de habitação do banco.

Já os micros e pequenos empresários poderão reduzir os juros em até 45% referente a linhas de capital de giro, com taxação inicial de 0,57% mensais. Para ações que exijam parcelamento do capital de giro e recomendação, a carência será de até 60 dias.

Por último, os comércios e as prestadoras de serviços contam com linhas de crédito exclusivas que permitem carência de no máximo 6 meses.

2 – Banco do Brasil

O Banco do Brasil também vai ajudar quem quer adiar dívidas sem multas nos bancos. Inclusive, revelou ter aumentando para R$ 100 bilhões a quantia do capital que pode ser utilizado para realizar contrato de empréstimos ou rolagem de dívida.

Assim, foram destinados R$ 24 bilhões para pessoas físicas poderem fazer empréstimos ou estender vencimento por no máximo 60 dias no crédito consignado, pessoal e crédito salário.

Para empresas, o valor separado é de R$ 48 bilhões e pode ser usados para capital de giro, investimentos e antecipação de recebíveis. Aliás, ele poderá ser utilizado também para fechar contratos de empréstimos e rolagem de dívidas próximas do vencimento.

3 – Itaú Unibanco

O Itaú é mais um banco que está permitindo aos seus clientes adiarem por até 60 dias o pagamento de empréstimos individuais.

Esse também será o prazo disponibilizado ao vencimento de empréstimo destinado para capital de giro das empresas. Mas, existe uma condição para isso: ter contratado o Itaú Crédito Sob Medida.

O adiamento do financiamento de casas e carros também será de 60 dias, sem mudança nos juros ou multas.

4 – Santander

Outro banco que vai ajudar os interessados em adiar dívidas sem multas nos bancos é Santander, que está possibilitando que sejam adiadas as prestações de empréstimos no crédito pessoal, direto ao consumidor e para financiamento de casas.

Mas, sem informar os prazos. Além disso, tornou maior o limite dos cartões de créditos para quem se manter em dias com suas contas – aumento de 10%.

5 – Bradesco

O Bradesco está prorrogando prestações de empréstimos em até 60 dias, mas somente para clientes que estiverem com suas contas em acordo com as normas do banco e sem dívidas até o momento do pedido.

A plataforma digital disponibiliza prazo de 60 dias ao cliente que quitar a primeira parcela do pedido de empréstimo individual, 60 dias para pagar prestações de renegociação de débitos e esse mesmo prazo para parcelamento do superávit de quem estiver com as contas em dia.

Sobre as notícias de bancos, você também pode gostar de ler:

Sobre os boletos de cobranças

Nenhuma dessas medidas anunciadas pelos bancos e expostas acima serão estendidas para boletos de cobrança. Entre eles, os pagamentos de serviços como os de água, energia elétrica, telefone, entre outras.

adiar dívidas sem multas nos bancos

Afinal de contas, essas são obrigações de outras prestadoras de serviço, companhias fornecedoras e do governo. Portanto, não tem relação direta com os bancos. Ainda assim, há boas notícias.

Algumas medidas mostraram que as empresas ditas como essenciais (de água, luz, telefonia) não poderão cortar os serviços dos consumidores caso exista o atraso no pagamento – por um período de 2 meses.

ANÚNCIO